sábado, 9 de março de 2013

INFORMEX NR 005 – DE 8 DE MARÇO DE 2013



SEGUNDO COMANDO 
NOMEAÇÃO DE COMANDANTES 
DE OM


Comandantes nomeados,

cumpre-me parabenizá-los, desejando sorte, felicidade e realização pessoal no 
cumprimento de mais uma importante missão de suas carreiras. Todos os senhores já 
foram testados em outra oportunidade e novamente lhes confio este desafio, certo de 
que estão conscientes e preparados para esta missão!

A conjuntura tem mantido a necessidade de designar OM para o 2º comando. 

Conto, a partir de agora, com suas experiências e dedicação, como contei com suas 
disponibilidade e voluntariedade para estas necessidades da Força.

Que Deus os acompanhe em mais essa jornada!


Gen Ex ENZO MARTINS PERI
Comandante do Exército

1 CI Pqdt GPB (Rio de Janeiro -RJ) Cel ART KLEBER NUNES DE VASCONCELLOS

2 EsIMEx (Brasília - DF) Cel ART ADILSON CARLOS KATIBE

3 CMJF (Juiz de Fora - MG) Cel ART ROBERTO CARLOS BENTO DA PAIXÃO

4 CPOR / PA (Porto Alegre - RS) Cel ART PAULO ANTÔNIO NAHON PENIDO 
MONTEIRO 

5 MHEx / FC (Rio de Janeiro – RJ) Cel ART LUIZ ANTONIO FORTES

6 CPOR / CM - BH (Belo Horizonte MG) - Cel CAV NILTON JOSÉ 
 BATISTA MORENO JUNIOR


7 EASA (Cruz Alta - RS) Cel CAV PAULO SERGIO FELIPE ALVES

8 CMM (Manaus - AM) Cel CAV CARLOS ALBERTO GARCIA

9 CAADEx (Rio de Janeiro - RJ) Cel CAV NEUZIVALDO DOS ANJOS FERREIRA

10 EsFCEx (Salvador - BA) Cel CAV MARCOS SOUTO DE LIMA

11 CMPA (Porto Alegre - RS) Cel CAV GENESSI SÁ JUNIOR

12 CMSM (Santa Maria - RS) Cel CAV RICARDO MARCOS

13 CMRJ (Rio de Janeiro - RJ) Cel COM ALEX VANDER LIMA COSTA

14 PMB (Brasília - DF) Cel ENG FERNANDO MIRANDA DO CARMO

15 CPOR / RJ (Rio de Janeiro - RJ) Cel INF MARCELO NASCIMENTO GOMES

16 CPOR / SP (São Paulo - SP) Cel INF HEBER GARCIA PORTELLA

17 CMB (Brasília - DF) Cel INF JOÃO DENISON MAIA CORREIA

18 AHEx (Rio de Janeiro - RJ) Cel INF EDUARDO LOPES E SILVA

19 CEP (Rio de Janeiro - RJ) Cel INF ÁLVARO ROBERTO CRUZ FERREIRA
LIMA

20 EsSLog (Rio de Janeiro - RJ) Cel QMB IVAN FERREIRA NEIVA FILHO

21 1ª ICFEx (Rio de Janeiro - RJ) Cel SV INT MARCO CÉSAR DE MORAES - Permanece

22 H Ge Fortaleza (Fortaleza - CE) Cel MED HAROLDO DE FREITAS BEZERRA

23 EsSEx (Rio de Janeiro - RJ) Cel MED ALEXANDRE FALCÃO CORRÊA

24 H Mil A Manaus (Manaus - AM) Cel MED CID BERNARDES SGARBI

Gen Div CARLOS ALBERTO NEIVA BARCELLOS
Chefe do Centro de Comunicação Social do Exército

"FREI ORLANDO - SOLDADO DA FÉ"

ANIVERSÁRIO DE AMIGOS - VEREADOR JOÃO DO JOANINHO



Ganhadores do Prêmio O Estandarte 2013

08/03/13
Depois de apurar os votos da equipe de fotógrafos, jornalistas e diretores do Portal, 20 categorias foram definidas e receberão os prêmios do carnaval 2013.
Confira:
Melhor escola – Unidos do Ladeira
Samba-enredo – Real Grandeza
Bateria – Mocidade Alegre
Enredo – Mocidade Alegre
Comissão de frente – Real Grandeza
Intérprete/Harmonia Musical – Marcão Melodia (Real Grandeza)
Mestre Sala – Carlos Eduardo (Unidos do Ladeira)
Porta Bandeira – Nadia Hilário (Mocidade Do Progresso)
Ala – Devoção aos Santos (Mocidade Alegre)
Baianas – Poetinha (Unidos do Ladeira)
Ala infantil – Timoneiro (Real Grandeza)
Revelação – Casal de MS e PB do Real Grandeza e Rafael Zampa
Alegoria – Mocidade Alegre
Melhor escola do Grupo B – Juventude Imperial
Samba-enredo grupo B – Juventude Imperial
Melhor escola mirim – Herdeiros da Vila
Na festa, ainda serão entregues os prêmios de Personalidade e prêmio especial do carnaval 2013.
http://www.oestandarte.com.br/veja-os-ganhadores-do-premio-o-estandarte-2013

REITOR HENRIQUE DUQUE SERÁ CANDIDATO EM 2014


Duque na política

O reitor da Universidade Federal de Juiz de Fora, Henrique Duque, que tem mandato à frente da UFJF até agosto do ano que vem, vai se qualificar para o processo político de 2014. Ainda não decidiu se disputará uma cadeira na Câmara Federal ou na Assembleia Legislativa, mas tomará as primeiras providências para estar apto para a disputa. Até o dia 7 de outubro deste ano, ele garantiu que vai se filiar a um partido político, a fim de garantir o direito de ser candidato. Mas ainda não escolheu a sigla, a despeito dos muitos convites que vem recebendo ao curso de sua carreira. Ainda diretor da Faculdade de Odontologia, como resultado de seu trabalho, foi cortejado por várias legendas para disputar, inclusive para prefeito. Tornou-se reitor, foi reeleito e, para fugir da tentação e do assédio, ficou sem partido. Agora, chegou a vez. Segundo ele, o momento é de qualificação. Duque enfatizou, porém, que ainda tem compromissos a serem cumpridos na Universidade e só vai bater o martelo da candidatura se cumprir as metas que ele mesmo estabeleceu.

Vai conversar

A escolha da legenda será um processo que vai consumir muitas conversas até o mês de outubro. Como ele mesmo diz, não se trata de uma questão simples, uma vez que tem amigos tanto em Brasília quanto na esfera estadual. "Tenho essas duas questões para definir: se disputarei para deputado federal ou para deputado estadual e por qual partido", enfatizou. Conhecido como um realizador, o reitor tem sido um campeão na captação de recursos para a instituição. Agora, quer investir na política partidária, primeiro no Legislativo. Em 2016 a história pode ser outra.

http://www.tribunademinas.com.br/painel/1.1242006

sexta-feira, 8 de março de 2013

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 09.03.13


MUSEU MARIANO PROCÓPIO - EXPOSIÇÃO


Câmara entregou nesta sexta-feira Menção Honrosa pelo Dia Internacional da Mulher


     O Dia Internacional da Mulher foi comemorado na Câmara com entrega de Menção Honrosa a 19 cidadãs que se destacaram na vida do município. Elas foram indicadas por uma Comissão Especial, formada por cinco vereadores, nomeada pelo presidente Julio Gasparette (PMDB). A cerimônia ocorreu nesta sexta-feira (08/03), às 19h30, no plenário Francisco Afonso Pinheiro. A homenagem foi criada pela resolução 1085 de 1997.

HOMENAGEADAS

Ana Cláudia Dias Sousa Figueiredo – Médica mastologista e ginecologistas da Prefeitura e da Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer, professora da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora. Tem mestrado em andamento na UFJF sobre Cancer de mama e atividade física sistematizada;

Carmem Lucia Rodrigues da Costa – A homenageada é uma cidadã totalmente voltada para o social. Passou a vida ajudando pessoas carentes. É uma evangelizadora da Casa da Bênção que pratica a solidariedade no dia a dia. Muito conhecida também por seus trabalhos artesanais, de grande beleza;

Cátia Fernanda Moreira de Paula – Ajudar o próximo por meio de trabalhos voluntários e auxiliar os carentes sempre foram metas de vida da homenageada. Empresária, montou seu escritório de corretagem de seguros; Solidária, participou do Rotary Club Juiz de Fora - São Mateus e de atividades no Bonsucesso Esporte /Clube, onde desenvolve projeto para crianças. Formada em Direito, já está exercendo a profissão;

Cristina Maria Ribeiro Pinto – Muito religiosa, participou de movimentos católicos como o Familiar Cristão, Cursilho, Encontro de Casais com Cristo, Pastorais do Batismo, de Noivos e de Jovens, Emaús e Equipes de Casais de Nossa Senhora. Em 1997,foi eleita Coordenadora Arquidiocesana da Renovação Carismática em Juiz de Fora e em agosto de 2001 fundou a Comunidade Resgate;

Daniele Camacho Tavares Siqueira – A primeira dama do município é graduada em Direito pela Faculdade Vianna Júnior e pós-graduada em Direito Público pela Newton Paiva de Belo Horizonte. Iniciou sua profissão no Hospital de Toxicômanos do Complexo Penitenciário em Juiz de Fora e lecionou Direito Aplicado na Universidade Presidente Antônio Carlos (Unipac). Em 2006 ingressou, por meio de concurso público, no Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Atuou como Oficiala de Justiça na zona rural e no município de Chácara, pertencente à comarca de Juiz de Fora;

Elienai de Oliveira Carvalho Castellano – Graduada em Enfermagem e Obstetrícia . Possui licenciatura em Enfermagem e é mestre e doutora em Ciência da Religião pela UFJF. Ordenada Pastora pela Convenção Nacional das Assembléias de Deus no Brasil;

Elisângela Ferreira da Silva – Servidora da Cesama, onde atuou como assistente administrativa, orientadora e supervisora da Agência de Atendimento, chefe de Departamento e coordenadora da Agência de Atendimento Preferencial. Atualmente é supervisora de Teleatendimento no Departamento Comercial. Tem a excelência no atendimento como principal característica do trabalho que desenvolve;

Elzi Zaghetto Miranda – Servidora da Câmara Municipal de Juiz de Fora há 36 anos e há 21 chefe da Divisão de Expediente, atuando à frente de cinco servidores. Na função, é responsável pelo recebimento e expedição de documentos e preparo da redação final dos projetos de lei e seu encaminhamento à Prefeitura para sanção ou veto;

Heloísa Helena Cabral de Carvalho – Líder comunitária no São Judas Tadeu. Como presidente da Sociedade Pró-Melhoramentos, cargo para o qual foi reeleita, buscou parcerias com o poder público em favor da comunidade. Conseguiu construir a sede da entidade, onde oferece cursos profissionalizantes, atividades para crianças, oficinas, entre outras atividades. O bairro foi o primeiro a implantar a Rede de Vizinhos Protegidos em conjunto com o Polícia Militar;

Laudiene Nailê Clemente Leite – Empresária, trabalha há 20 anos nas funções administrativa e financeira da Padaria Milk Pão. Integrou a Câmara de Conciliação Trabalhista do Sindicato da Panificação de Juiz de Fora e o Programa de Apoio à Panificação. Foi agraciada com o título de Mulher Panificadora do Ano pelo Sindicato das Indústrias de Panificação da cidade;

Lindalva Montovani de Almeida – A homenageada é líder comunitária na sua essência. Preside a Sociedade Pró-Melhoramentos do Bairro Marumbi, integra o conselho da Secretaria de Transporte e Trânsito e o Conselho Fiscal da Unijuf. Atuou como voluntária em vários projetos, como o de vigilante sanitária, e tem participação intensa no setor de Saúde, seja como Conselheira Municipal ou Local;

Luciana Ferreira Gagliardi Petretski – Formada em Direito pela UERJ, Pós-graduada pela Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro. Atua como Defensora Pública em Juiz de Fora desde 1995. Tem um trabalho voltado para a humanização do cumprimento da pena privativa de liberdade;

Maria das Graças Gonçalves Dias – Desde cedo trabalhou para alcançar seus objetivos. Atuou em estabelecimentos como Café-Campeão e Vó Sinhá, entre outros, até montar, junto com o marido Sebastião de Assis, mais conhecido por Macalé, uma estrutura de bar, que se tornou referência pelos deliciosos petiscos;

Maria do Carmo Gonçalves – 81 anos, moradora do Monte Castelo há 65. Líder comunitária, atuou como coordenadora da Sociedade Pró-Melhoramentos do Bairro. Costureira, formou profissionais na área de corte-costura, bordados e pintura de tecidos, com cursos oferecidos na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro;

Maria José Carvalho Rodrigues – 88 anos, moradora do bairro JK. Criou 12 filhos, sete mulheres e cinco homens. Possui 30 netos e 16 bisnetos. Tem orgulho de ter construído uma grande família, para a qual repassou valores como respeito, gratidão e solidariedade;

Marlene Salermo Coelho – Iniciou o trabalho da Pastoral da Criança na cidade, assumiu a Coordenação Arquidiocesana em Juiz de Fora, que engloba 36 municípios, e participou da fundação do Conselho Municipal de Alimentação (Consea). Com ampla atuação em movimentos populares, acompanhou questões polêmicas como problemas enfrentados por moradores do Cantinho do Céu e da Vila da Prata;

Neísa Teixeira Lourenço – Médica veterinária com especialização em Homeopatia e curso básico de Homeopatia, Medicina Interna e Terapêutica. Atuou na gerência técnica-administrativa de clínicas veterinárias, desenvolveu programas contra zoonoses e educativos, para conscientização de posse responsável. Teve ainda participação ativa em trabalhos de proteção animal;

Nora Ney Nonato Mendes – Acompanhou a criação da Igreja Evangélica Preparatória em Juiz de Fora e foi a primeira mulher a fundar congregações da instituição, nos Bairros São Benedito, Aparecida e Teixeiras. Foi também a responsável pela criação de dois departamentos da Igreja: o de Assistência às Senhoras e do Aconselhamento Feminino; 

Vera Lucia do Amaral Siqueira – Com grande vocação para ser cuidadora, realiza trabalhos de ação social e promove eventos para a comunidade em datas como Dia das Crianças e Dia das Mães. É seresteira, sambista e torcedora do Vasco.

Zé Ramalho é internado no Rio e tem quadro estável, diz boletim médico


O paraibano foi submetido a uma revascularização miocárdica.
Quadro clínico de cantor inspira cuidados.

Do G1 Rio

Zé Ramalho se apresenta em Sumaré (Foto: Dario Zalis)Zé Ramalho se apresenta em Sumaré
(Foto: Dario Zalis)
O cantor paraibano José Ramalho, de 63 anos, deu entrada no Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, com quadro de angina instável, na última segunda-feira (4). Ele foi submetido a um cateterismo, que identificou lesões, indicando necessidade de tratamento cirúrgico. Segundo o cardiologista Maurício Vaisman, nesta quinta-feira (7), o quadro clínico de José Ramalho era estável.
Ainda de acordo com boletim médico, Ramalho encontrava-se internado na Unidade Coronariana em pós-operatório, respirando sem o auxílio de aparelhos.
Nesta terça-feira (5), durante a manhã, o artista passou por uma revascularização miocárdica, com a equipe do cirurgião cardiovascular Valdo Carreira. Segundo boletim médico, o quadro clínico inspirava cuidados e ainda não havia previsão de alta hospitalar.

Zé Ramalho começou a carreira ainda na década de 70 e gravou grandes sucessos, como Chão de Giz, Admirável Gado Novo e Mistérios da Meia-Noite.
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2013/03/ze-ramalho-e-internado-no-rio-e-tem-quadro-estavel-diz-boletim-medico.html

Goleiro Bruno é condenado a 22 anos e 3 meses


08/03/2013 01h35 - Atualizado em 08/03/2013 08h45

 

Júri culpou o jogador por homicídio, ocultação, sequestro e cárcere privado.
Dayanne Rodrigues foi absolvida pelo sequestro e cárcere do filho de Eliza.

Rosanne D'Agostino e Glauco AraújoDo G1, em Contagem (MG)


O júri popular formado por cinco mulheres e dois homens condenou no início da madrugada desta sexta-feira (23), no Fórum de Contagem, em Minas Gerais, o réu Bruno Fernandes de Souza a 22 anos e 3 meses pelo assassinato e ocultação de cadáver de Eliza Samudio e também pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. Dayanne Rodrigues, ex-mulher do jogador, foi absolvida da acusação de sequestro e cárcere privado do bebê.
Sua personalidade é desvirtuada e foge dos padrões mínimos de normalidade"
Juíza Marixa Fabiane Rodrigues, sobre Bruno
08/03/2013 - Bruno e Dayanne ouvem a sentença lida pela juíza Marixa Fabiane Lopes Rodrigues. (Foto: Léo Aragão / G1)Bruno e Dayanne ouvem a sentença lida pela juíza
no júri popular do caso Eliza (Foto: Léo Aragão / G1)
Bruno foi condenado a 17 anos e 6 meses em regime fechado por homicídio triplamente qualificado (por motivo torpe, asfixia e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima), a outros 3 anos e 3 meses em regime aberto por sequestro e cárcere privado e ainda a mais 1 ano e 6 meses por ocultação de cadáver. A pena foi aumentada porque o goleiro foi considerado o mandante do crime, e reduzida pela confissão do jogador.
Eliza desapareceu em 2010 e seu corpo nunca foi achado. Ela tinha 25 anos e era mãe do filho recém-nascido do goleiro Bruno, de quem foi amante. Na época, o jogador era titular do Flamengo e não reconhecia a paternidade.
O advogado Lúcio Adolfo, que representa o atleta, disse que recorrerá da condenação. O promotor Henry Wagner Vasconcelos de Castro afirmou que esperava pena de 28 a 30 anos de prisão para o réu e anunciou que vai recorrer para aumentar a punição.
A sentença da juíza Marixa Fabiane Lopes Rodrigues foi lida em 19 minutos. Em sua decisão, ela disse que a personalidade de Bruno "é desvirtuada e foge dos padrões mínimos de normalidade" e destacou que "o réu tem incutido na sua personalidade uma total incompreensão dos valores".
A magistrada afirmou ainda que "a execução do homicídio foi meticulosamente calculada" e que "Bruno acreditou que, ao sumir com o corpo, a impunidade seria certa".
Por fim, ela lembrou que, assassinada, "a vítima [Eliza Samudio] deixou órfão uma criança de apenas quatro meses de vida".
Para a Justiça, a ex-amante do jogador foi morta em 10 junho de 2010, em Vespasiano (MG), após ter sido levada à força do Rio de Janeiro para o sítio do goleiro em Esmeraldas (MG), onde foi mantida em cárcere privado. A certidão de óbito foi emitida por determinação judicial. A criança, que foi achada com desconhecidos em Ribeirão das Neves (MG), hoje vive com a avó em Mato Grosso do Sul. Um exame de DNA comprovou a paternidade.
A Promotoria afirma que, além de Bruno e Dayanne, mais sete pessoas participaram dos crimes. Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, amigo de Bruno, e Fernanda Gomes de Castro, ex-namorada do atleta, foram condenados no júri popular realizado em novembro de 2012.
No dia 22 de abril, Bola será julgado. Em 15 de maio, enfrentarão júri Elenílson Vitor da Silva, caseiro do sítio, e Wemerson Marques de Souza, amigo do goleiro. Sérgio Rosa Sales, primo de Bruno, foi morto a tiros em agosto de 2012. Outro suspeito, Flávio Caetano Araújo, que chegou a ser indiciado, foi absolvido (saiba quem são os réus).
Jorge Luiz Rosa, outro primo do goleiro, que era menor de idade na época da morte, cumpriu medida socioeducativa por crimes similares a homicídio e sequestro. Atualmente tem 19 anos e é considerado testemunha-chave do caso.
http://g1.globo.com/minas-gerais/julgamento-do-caso-eliza-samudio/noticia/2013/03/bruno-e-condenado-prisao-por-morte-de-eliza-ex-mulher-e-absolvida.html

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 08.03.13


08 DE MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHER


quinta-feira, 7 de março de 2013

JUIZ DE FORA URGENTE - PLANTÃO DA GREVE INFORMA:

Terminou agora há pouco a reunião no Tribunal Regional do Trabalho, em Belo Horizonte. Ficou acordado entre a Astransp e o Sinttro, o índice de reajuste salarial de 10,63% sugerido pelo TRT, que seria dividido da seguinte maneira: 6,63%, referente ao índice do INPC, seriam repassados de imediato, e o restante a partir de agosto. 

Os outros benefícios, já discutidos e acordados em reuniões anteriores, foram mantidos. 
O Sinttro informou durante a reunião que manterá o estado de greve, respeitando o mínimo de 80% dos ônibus circulando nas ruas. 

O Sindicato se comprometeu ainda em defender o índice durante a assembléia com a categoria. Nova assembléia deverá ser marcada na próxima terça-feira.

A Astransp também deverá agendar para terça-feira, uma reunião com os empresários do transporte coletivo da cidade. 

Fonte: Astransp

MARCHA DAS MULHERES EM JUIZ DE FORA - 08.03.13


Governo Federal libera R$ 535 milhões para Uberlândia e Uberaba


 

Anúncio foi feito pela presidente nesta quarta-feira (6).
Recurso será usado para mobilidade urbana e saneamento.



Ônibus Mobilidade Urbana (Foto: Reprodução / TV Integração)Uberaba terá o transporte com os BRTs
(Foto: Reprodução / TV Integração)
O Governo Federal liberou recursos para Uberlândia e Uberaba que serão usados em saneamento e mobilidade urbana. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (6) durante um encontro que reuniu prefeitos, governadores e a presidente Dilma Rouseff no Palácio do Planalto em Brasília, no Distrito Federal. Para Uberlândia foram liberados R$ 485 milhões através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2). Uberaba receberá R$ 38 milhões no Programa de Mobilidade e R$ 12,5 milhões em recursos para investimentos em água e tratamento de esgoto. Os recursos do financiamento serão liberados via Ministério das Cidades.
Durante a reunião, a presidente anunciou financiamentos de R$ 33 bilhões para estados e municípios com projetos de mobilidade urbana, pavimentação e saneamento selecionados pela segunda etapa do PAC 2. Além disso, novos editais foram colocados à disposição das prefeituras.
Em Uberlândia, R$ 125 milhões serão destinados à construção de terminais e corredores de ônibus. Os outros R$ 360 milhões serão utilizados no projeto de transposição das águas de Capim Branco. Os recursos já estão disponíveis e serão tratados diretamente com a Caixa Econômica Federal.
As obras devem começar no próximo ano e a licitação será por Regime Diferenciado de Compras (RDC), o que agilizará o andamento dos projetos. O prefeito Gilmar Machado, que esteve no encontro, sinalizou que o município deverá participar com projetos na área de pavimentação. Novos editais foram colocados à disposição das prefeituras e Uberlândia pretende conseguir recursos para recapeamento das ruas e avenidas ainda neste ano.
Mobilidade e água e esgoto
Uberaba foi contemplada com financiamentos de R$ 38 milhões no Programa de Mobilidade que vai garantir os eixos completos dos setores sudoeste e sudeste do Bus Rapid Trafic (BRT). O valor engloba todo o trajeto, desde os terminais, sinalização, até os pontos de ônibus em forma de estações cubo, geralmente instalados em média a cada 500 metros.
Os novos eixos vão das proximidades dos bairros Beija Flor e Pacaembu e o outro das proximidades do Bairro Gameleira. A cidade já conta com os eixos leste e oeste em fase de implantação. O prefeito Paulo Piau também esteve na reunião e salientou que os recursos de R$ 12,5 milhões vão ajudar a resolver a questão da falta de água em Uberaba.
http://g1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/noticia/2013/03/governo-federal-libera-r-535-milhoes-para-uberlandia-e-uberaba.html

GOLPE ON LINE



Itaú Banner 


Informamos que o acesso a sua conta Itaú será 
cancelado.

A razão do cancelamento se deve a não atualização de segurança imposta pelo novo sistema.E até o presente momento seus dados encontram-se desatualizados. 
Evite 
o bloqueio fazendo a atualização de seus dados através do portal que disponibilizamos para você.
Com os dados atualizados, você poderá desfrutar dos novos dispositivos de segurança Itaú, visando melhorar ainda mais nosso atendimento para você!



Atualize seus dados imediatamente acessando o website do Itaú abaixo.:
 

http://www.itau.com.br/novo/sistema/download/atualizacaocadastral/


Atenciosamente,
 

ÓTIMA ESTA CARICATURA


Criado grupo para solucionar caso AMAC


06 de Março de 2013 - 21:31


Por Tribuna

O Legislativo e o Executivo chegaram a um consenso para a criação de um grupo de discussão que irá buscar uma solução para a situação da Associação Municipal de Apoio Comunitário (Amac). A associação é alvo de questionamentos jurídicos, entre eles, uma ação proposta pelo Ministério Público que considera a entidade como de direito público e condiciona a contratação de pessoal à realização de concursos, ameaçando o emprego de cerca de 1.500 funcionários. Em um esboço inicial, o grupo terá prazo de 60 dias para encontrar uma resposta e, ao final das conversas, realizar uma explanação pública. A força-tarefa deve contar ainda com a participação de representantes dos trabalhadores, da diretoria da Amac e de um corpo jurídico capaz de auxiliar na equação do imbróglio.
A pressa se justifica já que o contrato entre a Prefeitura e a Amac se expira em março de 2014 e não poderá ser renovado por decisão judicial. A opção pela formação de um grupo de discussão foi tomada durante audiência pública realizada no início da noite de ontem, na Câmara Municipal. O principal foco do encontro proposto pelos vereadores Jucelio Maria (PSB) e Wanderson Castelar (PT) foi relacionado à empregabilidade dos atuais funcionários. Embora as discussões não levaram a qualquer proposta concreta, algumas ideias foram explicitadas.
Ex-superintendente da Amac, o secretário de Governo, José Sóter de Figueirôa, garantiu que a Prefeitura está aberta a conversas para encontrar uma solução para o impasse. Figueirôa manifestou sua opinião pessoal e defendeu que a associação fosse transformada em uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip). "Funciona como uma espécie de organização não governamental (ONG), qualificada pelo Poder Público e com um modelo de gestão compartilhado. Extingue-se a Amac conforme sua concepção original. É uma possibilidade que criaria um passivo relativo a INSS, que teria que ser negociado. Porém, seria capaz de absorver o conjunto de trabalhadores e os serviços prestados, garantindo a empregabilidade dos funcionários."
Também representando o Executivo, o secretário de Assistência Social, Flávio Cheker, aventou a possibilidade da realização de concurso público com editais que levassem em consideração o tempo de serviços prestados pelos funcionários da Amac. Proponente da audiência, Castelar não se mostrou convencido com o posicionamento dos representantes da Prefeitura. "Esperava que a atual Administração já tivesse uma posição mais firme sobre o assunto." Outro requerente do encontro, Jucelio lembrou que este não é o momento para caça às bruxas. "Não importa o que já foi feito, mas o que será realizado a partir de agora."
http://www.tribunademinas.com.br/politica/criado-grupo-para-solucionar-caso-amac-1.1240603

R$ 138 mi para saneamento, pavimentação e mobilidade


06 de Março de 2013 - 21:49


Recursos serão usados para o projeto despoluição do Paraibuna, já licitado, intervenções em Chapéu D'Uvas e reestruturação das avenidas Getúlio Vargas e Francisco Bernardino

Por Ricardo Miranda

Juiz de Fora foi contemplada na segunda etapa do programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) com investimento de R$ 138 milhões. O anúncio da disponibilização dos recursos foi feito pela presidente Dilma Rousseff, na manhã de ontem, em Brasília, durante encontro com governadores e prefeitos de estados e municípios selecionados para o programa. Para empreendimentos e ações nas cidades de médio porte em todo o país, foram liberados R$ 33 bilhões. O prefeito Bruno Siqueira (PMDB), que esteve no evento, considerou o montante destinado ao município como um avanço importante para demandas históricas de saneamento, abastecimento, mobilidade urbana e pavimentação. "Não vamos conseguir resolver todos os problemas com esses recursos, mas, no caso da despoluição do Rio Paraibuna, por exemplo, será possível promover um avanço considerável."
O prefeito deixou claro que, embora parte dos recursos contemple propostas de mobilidade urbana, não se trata do conjunto de obras viárias para desafogar o trânsito na área central da cidade. "No caso dos viadutos, pontes e mergulhões, nosso pedido de inclusão no PAC foi encaminhado ao vice-presidente Michel Temer (PMDB), que se propôs a nos ajudar. Então, ainda teremos que aguardar um pouco mais." Ele também voltou a confirmar que, por via das dúvidas, pediu a inclusão de recursos com o mesmo propósito no orçamento da União para este ano. 
Em relação aos projetos contemplados pelo PAC 2, que foram propostos durante à gestão Custódio Mattos (PSDB), a expectativa é liberação rápida dos editais de licitação. São vários empreendimentos divididos em três áreas. Quanto à questão da mobilidade urbana, com investimentos previstos de R$ 30 milhões, serão feitas obras de reestruturação nas avenidas Getúlio Vargas e Francisco Bernardino, requalificação de calçadas na região central, melhorias no trânsito do Bairro São Mateus e construção de calçadões no trecho da Rua Batista de Oliveira, entre as ruas Halfeld e São João, e na Rua Marechal Deodoro, entre a Avenida Rio Branco e a Rua Batista e de Oliveira. 
No caso do sistema de abastecimento de água, que obteve destinação de R$ 46 milhões, serão feitas melhorias na rede e intervenções na barragem de Chapéu D'Uvas para aumentar a capacidade de armazenamento. Entre elas, estão previstas ampliação da Estação de Tratamento de Água (ETA) Marechal Castelo Branco,  implantação de estações elevatórias e reservatórios nos bairros Democrata e Floresta e construção de um vertedor de emergência na Represa João Penido.
A maior fatia de recursos - R$ 62 milhões -, no entanto, será destina ao projeto de despoluição do Rio Paraibuna. Os novos recursos serão somados aos outros R$ 70 milhões já disponibilizados por meio de financiamento junto à Caixa Econômica Federal. Como os empreendimentos na área já foram licitados, a expectativa é de que as obras sejam iniciadas até maio. Estão previstas ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Barbosa Lage e construção de nova ETE no Córrego de Santa Luzia. A execução completa do projeto deve levar ao tratamento de até 95% do esgoto da cidade. A redução da emissão de esgoto no Rio Paraibuna vai implicar na redução do valor pago pelo município à Agência Nacional de Água (ANA), calculado atualmente em cerca de R$ 600 mil por ano.
http://www.tribunademinas.com.br/politica/r-138-mi-para-saneamento-pavimentac-o-e-mobilidade-1.1240607

ANIVERSÁRIO DE AMIGOS - 07.03.13

RÔMULO FIGUEIRÔA

 JOSÉ LUIZ BENATTI


JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 07.03.13


quarta-feira, 6 de março de 2013

14º Grupo de Artilharia de Campanha - Incorporação


Pouso Alegre (MG): 




O 14º GAC realizou, no dia 1º de Março, a Solenidade de Incorporação dos novos recrutas. 

A formatura foi prestigiada pelos familiares dos 251 conscritos recém-incorporados, que tiveram a oportunidade de conhecer as instalações do Grupo Fernão Dias. 

Fotos: Sgt Thaís e Sd Buzato, do 14º GAC

INCÊNDIO EM APARTAMENTO EM JUIZ DE FORA


06 de Março de 2013 - 14:57

Por Tribuna

Um incêndio em um apartamento do Bairro Teixeiras, Zona Sul, mobilizou o Corpo de Bombeiros na manhã desta quarta-feira (06). Por volta das 10h, moradores da Rua Professora Etelvina Faro viram fumaça saindo pelas janelas do primeiro andar de um edifício de três pavimentos na via. Os militares precisaram arrombar a porta de acesso ao imóvel, já que a moradora, 67 anos, havia saído. O fogo estava concentrado na cozinha e destruiu geladeira e vários utensílios domésticos. Outros cômodos também foram atingidos pela fuligem, que deixou tetos e paredes pretos. De acordo com o bombeiro que esteve à frente da ocorrência, tenente Diogo Chelini, a suspeita é de que as chamas foram provocadas por uma vela, que teria sido esquecida acesa em cima da geladeira. "A vela caiu sobre a cadeira de madeira com estofado, dando início ao incêndio. A fuligem se espalhou porque o apartamento estava fechado." Os bombeiros isolaram a parte elétrica do imóvel e acionaram a Defesa Civil para avaliar os danos na estrutura, porque o teto de gesso teria ficado comprometido.
http://www.tribunademinas.com.br/cidade/incendio-em-apartamento-mobiliza-bombeiros-1.1240409

Bruno confirma morte de Eliza e culpa Macarrão


Em interrogatório na tarde desta quarta-feira (6), o goleiro Bruno Fernandes culpou Luiz Henrique Romão, o Macarrão, pela morte de Eliza Samudio.

De acordo com a versão de Bruno, a morte de Eliza ocorreu na sexta-feira, 11 de junho de 2010 ---a polícia diz que Eliza morreu em 10 de junho. O goleiro afirma que Eliza e o filho Bruninho Samudio deixaram o sítio com Luiz Henrique e Jorge Luiz Rosa, primo de Bruno, menor à época dos fatos. O grupo teria deixado o local em um veículo EcoSport.
Bruno, chorando muito durante o depoimento, afirmou que Eliza lhe disse que "iria para um ponto de táxi" porque tinha de ir para a capital paulista. "Ela disse que precisava de dinheiro para resolver problemas pessoais em São Paulo. Até então eu acreditava que seria aquilo ali."
Na mesma noite, entre 22h e 23h, segundo Bruno, retornaram Macarrão, Jorge e o filho dele com Eliza. "Desceram do carro o Jorge, muito assustado, e o Macarrão um pouco mais tranquilo que o Jorge, mas também assustado", disse Bruno, aos prantos.
"Estranhei que a criança estava na mão dele, chorando, e perguntei a ele: "poxa, cadê a Eliza? Pelo amor de Deus, o que vocês fizeram com ela."
De acordo com Bruno, nesse momento Macarrão disse "resolvi o problema que tanto te atormentava". "O Jorge me disse que o Macarrão ajudou a matar Eliza. Nesse momento eu fiquei desesperado, chorei muito. Eu disse: "Macarrão, o que você fez? Não tinha necessidade". Ele falou que tinha resolvido o problema", disse Bruno, chorando muito.

Bruno afirmou que Macarrão não contou a ele como Eliza teria sido morta e quem descreveu como ocorreu o crime foi o primo. "Jorge falou comigo que o Macarrão foi até próximo ao estádio Mineirão, foi ao orelhão, e falou com uma pessoa que não sabe quem era."

De acordo com o goleiro, Jorge lhe relatou que ele e Macarrão começaram a seguir um homem em uma moto até a cidade de Vespasiano (MG), onde seria a casa do autor da morte de Eliza.

O goleiro descreveu como Eliza teria sido morta, a partir do relato que Jorge lhe deu, mas não citou quem foi a pessoa que efetuou o homicídio "O Macarrão chutou as pernas da Eliza. Isso foi o que o Jorge me falou. Ele ainda me falou que a pessoa esquartejou o corpo dela e tinha dado para os cachorros comerem", afirmou o goleiro.

Após Jorge lhe relatar o crime, Bruno disse que repreendeu Luiz Henrique Romão. "Macarrão, o que você fez? Você acabou com a minha vida", disse o goleiro. Segundo Bruno, Macarrão não estava presente quando Jorge contou como Eliza foi morta. "O Luiz Henrique não confirmou a história e disse que Jorge estava louca."
http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/03/06/bruno-confirma-morte-de-eliza-e-culpa-macarrao.htm

Seminário busca alternativas para combater violência em Juiz de Fora


O seminário “Violência Urbana em Juiz de Fora”, que acontecerá nos dias 14 e 15, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, visa buscar alternativas para combater o índice alarmante de violência na região. Para o secretário de Governo da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), José Sóter de Figueirôa, “vem em boa hora, além de juntar forças com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), o Instituto Vianna Junior e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)”. Segundo o secretário, “esta parceria envolve também o interesse de cada cidadão, pelo bem estar da cidade”.

Durante entrevista coletiva realizada nesta terça-feira, 5, na Câmara Municipal, representantes dos órgãos públicos envolvidos no projeto avaliaram a importância do evento. A proposta das autoridades, como a do pró-reitor de Extensão da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Marcelo Soares Dulci, é a de criar um laboratório de controle da criminalidade na cidade, com perspectiva de implantação até 19 de abril. A professora Cyntia Toledo Miranda, do Instituto Vianna Junior, ressaltou que “o sistema de valores estatísticos de violência na cidade é deficiente” e que “os autores destes crimes estão migrando das classes baixas para as classes médias”. A professora destacou que “a sociedade tem que chamar para si a responsabilidade”, porém, ela lembra que “nenhuma atitude imediatista pode ser tomada, sem uma elaboração de projetos. Este é um momento de reflexão, de buscar caminhos, proporcionando ações de caráter preventivo”. Segundo Cyntia, “esta integração autoridades, sociedade e cidadãos é muito importante”.

Para o presidente da Câmara Municipal, Julio Gasparette, “este é um momento impar para sociedade. Está na hora de buscar a prática para o trabalho”. O vereador Wanderson Castelar acrescentou que “estamos caminhando para um quadro recorde de violência na cidade”. Segundo ele, “a introdução da droga, especialmente o crack, aumenta esta situação. Juiz de Fora está trabalhando com menos policiais, e isto permite que estes delitos cresçam muito na cidade”. Denilson Clozato Alves, da OAB, afirmou que o crescimento da violência na cidade já vinha sendo motivo de denúncia, e “agora é o momento crucial da prática, de unir forças e gerar melhorias em toda cidade”.

Serão disponibilizadas 320 vagas para os dois dias de seminário. As inscrições podem ser feitas na sede da OAB ou pelo telefone 3690-5900.


* Informações com a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Governo, pelo telefone 3690-7599.

SECRETARIA DE GOVERNO

Comandante Militar do Sudeste entrega gorro da ONU para militares do BRABAT 18


São Paulo – No dia 1º de março, o Comandante Militar do Sudeste, General de Exército Adhemar da Costa Machado Filho, presidiu a solenidade de encerramento do Estágio de Adaptação do Pelotão de Fuzileiros da Força Aérea Brasileira (FAB) que integrará o BRABAT 18.
O Pelotão da FAB será o 4º Pelotão da 1ª Companhia de Fuzileiros de Força de Paz e integrará a tropa em Cáceres (MT).
A solenidade foi realizada no 8º Batalhão de Polícia do Exército, Unidade responsável pela adaptação dos militares da FAB às peculiaridades do Exército Brasileiro.
Na ocasião, o Comandante Militar do Sudeste e o Comandante do BRABAT 18, Coronel Zenedir da Mota Fontoura, entregaram o gorro azul, símbolo da ONU, aos integrantes do Pelotão da FAB.
www.exercito.gov.br