sexta-feira, 24 de maio de 2013

JORNAL FOLHA JF - 24.05.13


JÁ BUSCOU SUA CAMISA DA FEIJOADA CESAR ROMERO 2013?


Amor à vida juiz-forana

24 de Maio de 2013 - 07:00


Lucas Malvacini participa de novela da Globo como amante de Mateus Solano

Por JÚLIA PESSÔA

Era para ser uma participação relâmpago, de dois capítulos, e agora tudo pode acontecer. Depois de sua aparição em "Amor à vida" em dois capítulos da semana de estreia, o juiz-forano Lucas Malvacini tornou-se o assunto do momento nas redes sociais e na imprensa: todo mundo queria saber quem é o "Anjinho", como é carinhosamente chamado no folhetim pelo divertido vilão Félix, interpretado por Mateus Solano, que vem roubando a cena na trama.
"No fim do ano passado, fiz teste para um personagem e não fui chamado, mas minha avaliação foi considerada muito produtiva, e a direção de elenco me convidou para esta participação pequena, que ganhou proporções muito grandes e surpreendentes para todo mundo, inclusive eu mesmo. Se soubesse que ia dar tanta repercussão, teria ficado muito mais nervoso!", diz o juiz-forano, que ficou conhecido após ser eleito Mister Mundo em 2011. De fato, os holofotes voltaram-se para Lucas: durante a exibição do capítulo de quarta-feira quando estreou, menções a ele e ao "Anjinho" chegaram aos tópicos mais comentados no Twitter no Brasil, e a mensagem de agradecimento em sua página pessoal no Facebook teve mais de mil curtidas até o fechamento desta edição.
Sobre a continuidade do personagem, Lucas mantém os dedos cruzados. "Não posso falar em nome de uma obra sobre a qual não tenho poder de decisão, mas minha vontade é de que o personagem cresça e continue na trama, e acho que a repercussão inicial que houve na mídia pode ajudar. Mas já estou muito feliz e agradecido por uma oportunidade tão grande de estreia, com atores de renome e em horário nobre."

Em um momento em que as uniões homoafetivas e os direitos homossexuais são amplamente discutidos no país, Lucas acredita que a presença de um casal gay no folhetim pode ser mais um meio de esclarecimento à população. "Muitas pessoas ainda têm em mente a imagem dos gays como afetados, afeminados, e a realidade não é assim. Procurei dar o máximo de naturalidade ao contracenar com o Mateus (Solano), atuando como o encontro de um casal como qualquer outro. Acho que o Walcyr (Carrasco) vai contribuir muito para informar as pessoas sobre o tema, e a novela tem um poder muito grande para isso. O próprio fato de o personagem do Mateus estar ganhando tanto destaque em uma trama das nove confirma isso."
Focado na carreira de ator, Lucas é modelo, participou de algumas peças e se prepara para um curso de atuação televisiva. "De uns anos para cá, a minha agenda tem ficado cada vez mais apertada, mas sempre consegui conciliar meus compromissos. Agora a responsabilidade fica cada vez maior, e o sonho de ser ator, cada vez mais próximo, mas acho que vai dar tudo certo. Disposição não falta!", adianta.
Entre idas e vindas, o "Anjinho" garante que Juiz de Fora sempre o acompanhará em seus voos. "Minha relação com a cidade é muito forte. Cresci em Juiz de Fora e é lá que estão minha família, muitos amigos e minha namorada. Espero sempre poder representar muito bem o lugar pelo qual tenho tanto orgulho e carinho."

PREFEITURA DE JUIZ DE FORA - CORREDOR CULTURAL



24 DE MAIO - DIA DA INFANTARIA


JORNAL DIÁRIO REGIONAL - 24.05.13


Servidores municipais recusam proposta da PJF


23 de Maio de 2013 - 21:14


Categoria, que rejeitou índice de correção salarial de 6,5%, quer aumento real de 10%; negociações serão retomadas nesta sexta

Por Ricardo Miranda

Os servidores públicos municipais rejeitaram a proposta de reajuste salarial de 6,5% apresentada pela Prefeitura. O índice recompõe as perdas inflacionárias dos últimos 12 meses, com base no IPCA, e seria aplicado já a partir de maio. As categorias do funcionalismo público representadas pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sinserpu) consideram o percentual muito aquém da reivindicação inicial de 10% de ganho real, além da correção inflacionária. Com a recusa, definida nesta quinta-feira (23) durante assembleia, as negociações devem ser retomadas ainda nesta sexta. Por ora, não há deliberação quanto à paralisação ou greve. O presidente do Sinserpu, Amarildo Romanazzi, pediu aos trabalhadores para manterem a mobilização. Ele informou que, como a proposta tinha validade apenas até assembleia, as conversas com a Prefeitura devem ser reiniciadas da estaca zero.
Além do índice, considerado baixo, a maioria dos servidores discordou também da proposta de reajuste do tíquete-refeição de 12,9%. Com o novo percentual, o benefício seria elevado para R$ 140. Em suas manifestações, vários trabalhadores defenderam a elevação para R$ 150 e mudanças na forma de pagamento. Atualmente, metade do tíquete é pago de acordo com a assiduidade do servidor. Quanto a isso, a Prefeitura havia proposto algumas mudanças, como maior tolerância na aceitação de atestados médicos. Outro aspecto que, segundo membros de várias categorias, não havia sido contemplado pelo Executivo envolve a ampliação da progressão nas carreiras. Especificamente em relação a Amac, o Sinserpu havia negociado o mesmo percentual dos demais servidores, ou seja, de 6,5%, mas para incidir apenas nos valores repassados para folha de pagamento do órgão.
Ao apresentar a proposta da Prefeitura, Amarildo Romanazzi ressaltou a boa evolução das conversas com Executivo na atual campanha salarial. Para ele, o fato de os secretários de Administração e Recursos Humanos, Alexandre Jabour, e de Fazenda, Fúlvio Albertoni, serem servidores de carreira ajudou na busca de entendimento. O dirigente do Sinserpu revelou ainda que, diferentemente das últimas administrações, em nenhum momento o reajuste de 10% a cada triênio sofreu ameaças. Os argumentos pró-Governo, no entanto, não conseguiram arrefecer os ânimos dos trabalhadores. Ao contrário, a postura de Amarildo Romanazzi foi criticada duramente durante algumas intervenções. Ao menos duas vezes, o sindicalista recorreu ao fato de ter declarado apoio à candidata Margarida Salomão (PT) nas últimas eleições municipais para justificar sua isenção em relação à administração do prefeito Bruno Siqueira (PMDB).
Com a deliberação da assembleia do Sinserpu, apenas o Sindicato dos Professores (Sinpro) fechou o índice de reajuste salarial. Na última semana, após interferência do Judiciário, os docentes conseguiram reposição de 6,5%. Do índice aprovado, 4,63% será retroativo a janeiro como forma de abono, valor que será pago de forma escalonada até janeiro do ano que vem.

quinta-feira, 23 de maio de 2013

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 24.05.13


Clubes de JF ainda não foram notificados sobre nova lei de fiscalização das piscinas



Andréa Moreira
Repórter
Piscina
A lei nº 12.774 que dispõe sobre a qualidade das águas das piscinas de uso público ou coletivo em Juiz de Fora deveria estar vigorando a partir desta quarta-feira, 22 de maio. De autoria do autoria do vereador Noraldino Júnior (PSC), a norma foi publicada no Diário Oficial do município no dia 22 de março, e passaria a vigorar 60 dias após a sua publicação. Porém, segundo a assessoria da Secretaria de Atividades Urbanas (SAU), responsável pela fiscalização, as notificações devem ser entregues a partir desta semana, para que assim os locais possam se adequar.
A assessoria não soube informar o tempo necessário para que este processo seja finalizado.
O Clube Cascatinha, segue normas rígidas de higiene, mas que diferem da lei, como destaca a auxiliar administrativa, Renata Fernandes. "Nem sabíamos da existência desta lei. Fazemos análises periódicas e uma limpeza semanal. Mas, depois de informados pela redação do Portal ACESSA.com, entramos na internet e verificamos que temos que manter um profissional da química como responsável técnico pelo tratamento, mas aqui no clube o responsável é um biomédico. Agora iremos aguardar o contato da Prefeitura para nos adequarmos a lei."
A assessoria do Clube Bom Pastor também afirma que não recebeu nenhuma notificação, mas que já segue normas rígidas para manter a água em condições de uso. O clube aguarda a notificação da Prefeitura para verificar se terá que modificar alguma medida já implementada.
Além do profissional da área de química; a lei também obriga que o local mantenha atualizado, em local visível e de fácil acesso ao público, o termo de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) emitido pelo Conselho Regional de Química; e apresentar mensalmente um boletim analítico com os indicadores dos padrões de qualidade da água da piscina, em consonância com as normas técnicas específicas vigentes.

Exército "invade" ruas de Salvador em treinamento para Copa



Salvador foi em parte tomada por tanques do exército na última quarta-feira, 22. Antes que alguém se assuste, tudo não passou de um treinamento para a coordenação de Controle de Defesa de Área (CDA) da Bahia.
O treino em questão, das Forças Armadas, foi de guarnição e proteção ao território baiano para a Copa das Confederações, que vai ocorrer entre 15 e 30 de junho. Participaram o Exército e a Marinha. Um segundo treino ocorrerá em 14 de junho.
A finalidade da operação, segundo o Coronel Roberto Oliveira, que está no comando do CDA, "foi simular uma conjunto de ações para testar a comunicação, coordenação e o nível de adestramento dos oficiais para a Copa das Confederações".
Algumas das ações específicas não foram reveladas como forma de não fragilizá-las durante o torneio. Entre as que ficaram publicas, está a escolta das delegações que, na verdade, ficará, em princípio, a cargo da Polícia Militar.
As Forças Armadas só entrarão em ação em caso de um chamado da Presidência da República ou insuficiência de contingente policial. Ao longo da Copa das Confederações, elas  ficarão de prontidão para sair às ruas assim que chamado. 
As áreas onde se realizaram  os treinamentos foram as chamadas "de estruturas estratégicas" de proteção da Bahia. Foram os portos e o aeroporto de Salvador, além de algumas estações de energia e distribuição de água que são consideradas essenciais no Estado.
Também houve ações no Barradão, que funcionará como centro de treinamento de seleções, nos hotéis onde as delegações ficarão hospedadas e na Fonte Nova, estádio dos jogos em Salvador. Não por acaso, tanques de guerra foram vistos ontem circulando na Avenida Bonocô e no entorno do Dique.
Para a Copa das Confederações, as Forças Armadas receberão reforços de outros estados. Para o exercito, será enviado um pelotão de cavalaria mecanizada, composto por quatro veículos blindados (tanques), e para a Marinha, cinco navios de grande porte.
"Não quero precisar quantidade, mas também vamos receber alguns helicópteros, além de aeronaves Mirrage 2000 e Supertucano (aeronaves de caça próprias para combate aéreo). Ao todo, seremos 4 mil oficiais prontos para agir na Copa das Confederações", informou o Coronel Ronaldo.

Receita e Exército encontram pistolas escondidas em televisão


Fiscais da Receita Federal e militares do Exército apreenderam no início da tarde desta quarta-feira (22) oito pistolas calibre 9mm. As armas estavam escondidas dentro de um televisor de 20 polegadas no bagageiro de um ônibus que havia partido de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. A apreensão foi feita na praça de pedágio da BR-277, em São Miguel do Iguaçu. Um homem, que iria para o Rio de Janeiro (RJ), foi preso.
Ao vistoriarem o bagageiro do ônibus abordado na barreira montada na rodovia, os soldados que participam da Operação Ágata 7 - deflagrada em todas as fronteiras do país no dia 18 - desconfiaram do peso do televisor. Um exame mais detalhado feito com o auxílio de um scanner de bagagem usado pela Receita Federal revelou as armas. As pistolas foram apreendidas e o suspeito detido e encaminhado à delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu.
Paraguaias foram presas com cerca de seis quilos de haxixe presos à cintura (Foto: Polícia Federal / Divulgação)Paraguaias foram presas com cerca de seis quilos de
haxixe presos à cintura (Foto: Polícia Federal / Divulgação)
Haxixe
Na tarde de terça-feira (21), por volta das 19h30, policiais federais apreenderam cerca de seis quilos de haxixe na Ponte Internacional da Amizade, na fronteira entre o Brasil e o Paraguai. A droga estava presa à cintura de duas paraguaias que viajavam em um ônibus que seguia para São Paulo (SP). As duas foram presas em flagrante e levadas para a delegacia da PF.

Prefeito Bruno Siqueira visita Cemitério Municipal e avalia melhorias


Durante uma visita do prefeito Bruno Siqueira ao Cemitério Municipal, nesta quinta-feira, 23, o secretário de Obras, Amaury Couri, a arquiteta da SO, Christiane Travassos, e o administrador do local, João Wagner Antonio, apresentaram a proposta de melhorias da área, além de mostrar tudo que já foi executado até agora.

De acordo com o secretário, a intenção é dar um aspecto diferente para o cemitério em oito meses. "A visita do prefeito foi importante, para ele tomar conhecimento dos problemas e ver os avanços no que diz respeito à limpeza, poda, capina e iluminação", afirmou Amaury Couri. A arquiteta Christiane Travassos ressaltou que as mudanças serão bem significativas: "A partir da planilha de custos, vamos desenvolver os projetos. Estamos em fase de desenvolvimento de projeto".

Entre as mudanças, estão previstas: sala de preparação de corpos, acessibilidade, reformas dos banheiros, troca de piso e telhados, melhoria da sala dos vigias, da sede administrativa e das partes hidráulica e elétrica, e troca de portas e janelas de todas as capelas. Hoje, estão sendo efetuados serviços no cemitério em três frentes: capina e limpeza e pinturas dos balaustres e da parte interna das capelas.

* Informações com a assessoria de comunicação da Secretaria de Obras pelo telefone 3690-7403.

SECRETARIA DE OBRAS

Prefeito Bruno Siqueira visita obra no Bairro Santa Tereza

Nesta quinta-feira, 23, o prefeito Bruno Siqueira e o secretário de Obras, Amaury Couri, visitaram a obra de construção do muro de contenção no Bairro Santa Tereza. "A obra vai dar mais tranquilidade aos moradores da região, além de melhorar o acesso ao Hospital Albert Sabin, que é muito importante para os moradores do entorno", ressalta o prefeito Bruno Siqueira.

O secretário de Obras destacou o ritmo acelerado do serviço: "Está andando muito bem e vai cumprir o prazo de finalização. A obra será um benefício grande para os moradores do bairro e também da região". O muro está sendo erguido na Rua Edgar Carlos Pereira e terá 109 metros de extensão.

O aposentado José Maria de Oliveira tem casa no local desde 1985 e fez questão de agradecer ao prefeito a construção do muro. "Hoje você está nos retribuindo com o que não esperávamos mais. Essa obra será muito importante para o bairro. Esperamos muito de você e estamos vendo as coisas acontecerem. "

O vigilante Ivanir Ribeiro mora no Bairro JK, na área onde também será construído um muro de contenção. A casa dele foi atingida e permanece com parte interditada. Ele foi na tarde desta quinta-feira à Santa Tereza para ver o andamento das obras e destacou: "Nossa esperança é que termine aqui e faça logo lá. No verão que tivermos o muro de contenção no JK, vou dormir mais tranqüilo."

A Preserva Engenharia, empresa contratada para construir os muros de contenção em Santa Tereza, JK e Três Moinhos, está armando a 15ª estaca no local onde está sendo construído o muro de Santa Tereza. Ao todo são 53 estacas e o ritmo acelerado deve fazer com que essa parte do processo de construção seja finalizada em dez dias, já que a empresa arma cinco estacas por dia.

Quando essa etapa for finalizada, o passo seguinte será cravar os tirantes para segurar o muro e fazer os blocos de coroamento, que são a base da construção. Com essas etapas concluídas, inicia-se o muro em si. Com 109 metros de comprimento, o prazo de conclusão é para o final de agosto. Em julho, a previsão é de começar o muro no Bairro JK.


* Informações com a assessoria de comunicação da Secretaria de Obras pelo telefone 3690-7403.


SECRETARIA DE OBRAS

ENTREGA DO MÉRITO COMENDADOR HENRIQUE GUILHERME FERNANDO HALFELD - CONVITE


Ex-chacretes se revoltam com personagem de “Amor à Vida”


No capitulo dessa quarta-feira (22) de “ Amor à Vida ”, na Globo, Márcia ( Elizabeth Savalla ) relembrou sua história como a chacrete “Tetê Para-Choque e Para-Lama” e as dificuldades que passou após a morte de Chacrinha .
Leia também:
No relato, a personagem, que hoje vende hot-dog na rua e foge da polícia, conta que passou por necessidades e que chegou a se prostituir para conseguir criar a filha e ter o que comer. Apesar de sincero e comovente, o relato não agradou algumas das verdadeiras ex-chacretes, que nas redes sociais, desabafaram sobre o assunto.
Marcia Val : “Como se não bastasse ter o mesmo nome que a personagem da novela das 20h, hoje, por estar em casa estudando, ouvi no som da TV um personagem masculino falando sobre chacrete ter sido garota de programa. Sinceramente, nem ligo se uma ou outra fez ou não, ninguém me pediu emprestado, como também não ligo se tem diretor que cheira cocaína, escritor que gosta de bacanal, pois acho que todos somos livres para escolher o que nos faz feliz. Mas tudo isso é muito chato. Principalmente se você, no caso eu, tiver participado daquele grupo e ser taxada de puta sem JAMAIS TER FEITO A PORRA DO PROGRAMA, sem JAMAIS TER ME PROSTITUÍDO, sem JAMAIS TER CHEIRADO A PORRA DA COCAÍNA, ETC. Mais uma vez estão generalizando ações individuais e isso é DISCRIMINAÇÃO "...a conduta que gera preconceito..." É claro que é mais fácil denegrir do que pesquisar, se informar, reconhecer que nem tudo é como parece... A única pessoa que deveria estar viva, nessas horas, infelizmente desencarnou, era o próprio "VELHO". Pronto, falei!”
Reprodução/Facebook
Marcia Val
A mesma chacrete ainda publicou o texto que enviou para o diretor da trama: "Gostaria de informá-lo que nem toda chacrete fez programa, usou drogas ou se prostituiu. Como você acha que uma filha de ex-chacrete se sente ao ouvir um diálogo desse? Exatamente um policial é quem menciona esses absurdos! Não tenho e nunca tive comportamento de prostituta, e a minha filha (apesar de menor de idade) jamais recebeu essa orientação. Mas isso não me importa pois sei que faz parte de todo um contexto para atingir o interesse da "massa". Trabalhei com o Wolf Maya na produção do' Relax It's Sexy' e, com certeza, ele jamais percebeu qualquer comportamento similar ao que você propôs ... Paulo Afonso de Lima me dirigiu, trabalhei com Yaya, entre outros, que podem atestar a minha conduta (o que nunca me preocupou). Penso ser um ato extraordinariamente covarde de sua parte, pois está usando um meio de comunicação em horário nobre para generalizar uma ação individual. Como você, outras pessoas também se preocupam em denegrir ainda mais a imagem das chacretes pois isso é menos trabalhoso, não precisa pesquisar, conhecer, identificar... Tenho algumas graduações, pós-graduação, mantenho-me estudante, profissional na área de shopping, mãe e independente por capacidade intelectual. Sinto-me muito triste por essa cena desnecessária. Alguns dos seus amigos me conheceram jovem e podem atestar o quão cruel você está sendo para a minha filha que, até o momento, era sua fã. Boa noite."
Regina Magalhães , a ex-chacrete Regina Polivalente, que se formou em Educação Física e hoje trabalha com eventos no Rio: “Fiquei indignada com a rotulação que a Rede Globo faz às Ex-Chacretes nesta nova novela das 9h. Porque será que sempre que falam de Ex Chacretes todas são como ex-garotas de programa, oportunistas, malsucedidas, acabadas??? Eu sou um exemplo oposto disso tudo. Estudei muito, me formei, nunca me droguei, nunca fui presa, trabalho a vida toda e tenho uma vida digna, e sei que tem várias outras que tenho contato que também são como eu: trabalham com sucesso, têm famílias maravilhosas e são realizadas. Vamos parar de PRECONCEITO!”
Mirian Fernandes , ou Mirian Cassino, que é professora de dança e personal trainer: “Estou indignada com a Rede Globo e o escritor dessa nova novela, colocando uma atriz representando uma ex-chacrete, e dizendo que ela era prostituta e amiga de bandido. Isso é um absurdo passível de processo. Estão julgando todas por uma ou outra que não tenham tido a chance de se realizar profissionalmente e constituir uma família. Ex-chacretes, vamos nos mexer, isso está ridículo.”
Tanya Machado , Tanya Bang Bang: “É triste ouvir esses comentários maldosos e ter que engolir a seco sem poder fazer nada. Ser chacrete foi o sonho de muitas meninas e a globo errou feio ao falar mal delas.”
Jussara Mendes , Jussara Mendes Bum Bum: “A imprensa me massacrou tanto pelo fato de ter sido esposa de um ex-jogador, que hoje, essas palhaçadas já não me atingem. Meus filhos e família conhecem a Jussara mãe, estudante, boa índole e muito presente na vida deles. Isso basta...mas não deixo de cobrir você de razão. É chato isso! Beijo”
Reprodução/Divulgação/Rede Globo
Chacrinha e as Chacretes

PM do Rio de Janeiro e dois civis são condenados por receptação de armamento do Exército


Brasília, 22 de maio de 2013 - O Superior Tribunal Militar (STM) manteve a condenação de um policial militar do Rio de Janeiro e mais dois civis acusados de receptação de armamento do Exército. Eles foram condenados na primeira instância e recorreram aos ministros do STM.
PM do Rio de Janeiro e dois civis são condenados por receptação de armamento do Exército
Segundo o Ministério Público Militar, em março de 2004, os denunciados foram presos em flagrante por policiais militares do Grupo Especial Tático da PM/RJ, no Conjunto Parque Irajá, subúrbio da capital carioca.  Com eles foram apreendidas diversas armas e munições, dentre elas uma metralhadora Beretta, calibre 9mm, e três carregadores de propriedade do Exército Brasileiro.
O armamento havia sido subtraído em 2003 do Arsenal de Guerra do Rio de Janeiro, um quartel do Exército. Naquela oportunidade, um Inquérito Policial Militar foi aberto, mas não conseguiu identificar o autor do furto e o paradeiro do armamento.  Inicialmente, o processo correu na 2ª Vara Criminal de Madureira, mas por envolver material bélico do Exército, o processo passou à competência da Justiça Militar Federal.  Os acusados foram denunciados  no artigo 254 do Código Penal Militar – receptação.  Em agosto de 2012, após vários conflitos de competência, os juízes de primeira instância da 1ª Auditoria do Rio de Janeiro condenaram os  acusados.  Os civis A.M.F.S e E.V.S e o soldado da polícia militar A.A.C  foram condenados a três anos de reclusão, com o direito de apelar em liberdade e o regime prisional inicialmente fechado. O civil E.V.S está preso e cumpre pena por outros crimes na penitenciária federal de Catanduvas, no Paraná.
A Defensoria Pública da União recorreu ao STM contra as condenações. Os advogados  requereram a reforma da sentença, alegando ausência de prova cabal de que praticaram o crime de receptação. Argumentaram também afronta ao princípio da individualização da pena e da dignidade da pessoa humana, previsto na Constituição Federal, e pediram que fossem reduzidas as penas dos réus com a concessão do benefício do “sursis”, pelo prazo de dois anos e regime prisional aberto.
Ao analisar a apelação, o ministro Marcos Martins Torres disse que era inviável acolher o pedido de  absolvição dos acusados por insuficiência de provas.  “Não se diga que os acusados não tinham conhecimento da origem criminosa da arma, pois, pela natureza do objeto - a arma continha as inscrições com o nome do Exército Brasileiro - deveriam presumir ser de origem ilícita”, disse.
O magistrado, no entanto, resolveu acolher parcialmente para reduzir a pena de dois dos acusados, em razão de eles serem réus primários, atenuante que não foi considerada na primeira instância.  O relator afirmou que a receptação de armamento das Forças Armadas é uma das formas de municiar o crime organizado, sobretudo as quadrilhas de traficantes e os grupos de extermínio, que assolam a sociedade e desestabilizam a paz pública. “Por essa razão, entendo ser plenamente justificável a fixação da pena acima do mínimo legal.”
Em seu voto, o ministro Torres manteve íntegra a condenação imposta ao acusado E.V.S,  proprietário do veículo onde foram apreendidos as armas, e diminuiu as penas aplicadas ao civil A.M.F.S e ao soldado da polícia militar carioca A.A.C, para dois anos e seis meses de reclusão, em regime fechado.  Os demais ministros da Corte acompanharam o voto do relator por unanimidade.

Museu Murilo Mendes - Abertura da mostra "Juiz de Fora, Verbo e Cor



ANTIGO CINEMA EXCELSIOR AGORA É UM ESTACIONAMENTO


Descaso com o Cine Excelsior e com o Audiovisual de Juiz de Fora

Para quem o conhecia, a projeção cultural do Cine Excelsior mudou os parâmetros tecnológicos no mercado exibidor local, principalmente no decorrer dos anos de 1960 e 1970, proporcionando à cidade condições para que ela tivesse momentos de intensa atividade artístico-cultural através do meio cinematográfico, permitindo a exibição de filmes com grande experimentação técnica por meio de novas tecnologias.

Não resta dúvida, por tudo que lhe diz respeito, a importância do Cine Excelsior como espaço de interesse estritamente cultural, com elementos da Arquitetura Art Déco em transição ao Movimento Moderno da Arquitetura brasileira da década de 1950, tornando o cinema único como “uma joia rara da Arquitetura” de Cinemas (como atestou o Presidente do Instituto Art Déco Brasil — maior autoridade no assunto no país); como também o vínculo estabelecido com a população através da imaterialidade típica, dos laços de identificação afetiva e cultural; e finalmente a função cultural dentro do contexto geral da cidade de Juiz de Fora.

Entretanto, o órgão competente da municipalidade é incapaz de ouvir a vontade popular e, fechado em si mesmo, delibera contra o interesse do coletivo e decreta de forma inconsequente o fim deste ícone do que havia de melhor na cultura moderna em exibição da sétima arte no país.

O falso progresso, que não promove a inclusão social dissociado do desenvolvimento socioambiental, aliado ao descaso do Poder Público, impõe a perda do Patrimônio Cultural remanescente da cidade. A memória afetiva do povo juizforano vai sendo aos poucos fragmentada e apagada definitivamente de nossa história.

Falta sensibilidade política em nosso município, bem como visão empreendedora do setor cultural para elaborar estratégias de captação e realização de investimentos na preservação de nossas potencialidades e de desenvolvimento do turismo cultural de forma a enaltecer o riquíssimo legado de nossos antepassados, o mesmo deixado pela “era” da saudosa Manchester Mineira.

O investimento público, que é dever constitucional do poder público, de forma a fomentar o Turismo Cultural e de eventos, é propício para atrair milhares de turistas da Copa do Mundo e das Olimpíadas. Fato que sem dúvida alguma criaria uma demanda de empregos e geração de renda de forma a oportunizar o retorno da vocação natural da cidade.

A atratividade de investimentos tem apoio declarado de Deputados, mas nosso poder municipal não sinaliza em nada neste sentido e se cala sobre o Excelsior. O lugar comum do discurso ralo da FUNALFA e COMPPAC parece ser restrito acerca do Museu Mariano Procópio e do Teatro Pascoal Carlos Magno, ambos exemplos de desgovernos e desprezo. Esquecem dos demais problemas da cultural local.

Episódios como a transformação do espaço do Cine Excelsior em “estacionamento” reflete o despreparo, o descaso e a falta de visão de nossos gestores da cultura e do governo municipal para com o desenvolvimento da cidade. Trata-se de uma flagrante violação da verdadeira função social da propriedade insculpida em nossa Constituição. Ou seja, sobrepondo o interesse puramente comercial acima do interesse coletivo; que é o da restauração e manutenção dos laços de afinidade cultural da cidade.

O Cine Excelsior não pode morrer!!! E a população não pode deixar isto acontecer! Não podemos deixar de nos indignarmos com tal situação!!!

Isto é o que temos para hoje.

Assinado

Associação de Amigos do Cine Excelsior

http://www.cinemaexcelsior.com.br/blog/descaso-com-o-cine-excelsior/

26ª EDIÇÃO DA CORRIDA DUQUE DE CAXIAS

Em agosto teremos a 26ª edição da corrida Duque de Caxias, realizada pelo Exército Brasileiro em Juiz de Fora. 

Estamos sendo questionados porque não tem notícia alguma no blog sobre a corrida.

Informamos que não postamos nenhuma nota, ainda, por não as possuirmos. A única coisa que sabemos é que ela está agendada para acontecer no dia 25 de gosto, no campus da UFJF.


Meia Maratona de Juiz de Fora faz plantão para inscrições neste fim de semana



A Meia Maratona de Juiz de Fora acontece dia 09 de junho e quem quer garantir o valor promocional de R$30 deve se ligar no plantão de inscrições do fim de semana. Uma equipe da Meia Maratona estará na entrega dos kits da 3ª Corrida e Caminhada da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e durante a Corrida. Além disso, pode procurar também umas das lojas Terra Bike.

Nossa equipe estará nas lojas Terra Bike do Centro e da Avenida Alexandre Leonel. No Centro os horários são: sexta-feira, 24, de 8h às 18h e sábado, 25, de 8h às 14h. Na loja da Avenida Alexandre Leonel: sexta de 10h às 20h, e sábado de 10h às 18h.

Ainda no sábado estaremos na entrega dos kits da corrida da UFJF, no Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM), de 9h às 18h. Já no domingo, a partir das 6h30 nosso ponto é na entrega dos chips da Corrida, no Centro de Vivência da UFJF.

Além disso, quem preferir pode procurar um de nossos parceiros que também estão recebendo inscrições durante o horário de funcionamento de cada.

Vida e Saúde: Av. Independência, 2123 (em frente ao Teatro Solar). Vida Ativa: Rua Moraes e Castro, 297 (em frente ao Alameda). Higéia: Av. Presidente João Goulart, 600 (ao lado da Estácio de Sá). Dynamo: Av. Luz Interior, 255 - Centro de Conveniência Estela Sul - Bairro Estrela Sul. Clube Bom Pastor: Rua Senador Salgado Filho, 313. Bioforma: Av. Presidente Costa e Silva, 2295. Pulse: Rua Senador Salgado Filho, 313 - Bom Pastor.

Lembramos que a partir de segunda-feira, 27, o valor da inscrição passa a ser R$50.

Serviço: Meia Maratona de Juiz de Fora
Data: 09 de junho de 2013
Hora: a partir das 7h
Local: Av. Brasil próximo ao Clube Dom Pedro II
Inscrições:
Todas as provas R$30,00 (trinta reais) até o dia 26/05
Todas as provas: R$50,00 (cinqüenta reais) do dia 27/06 até 02/06
Telefone: (32) 3231.6622

Para outras informações: Assessoria MOVE IT SPORTS (32) 3231-6622

Ator e comediante Jerry Lewis está de volta.

Thiago Stivaletti
Do UOL, em Cannes (França)



Esta talvez seja a melhor notícia de todo o festival: Jerry Lewis está de volta. O maior comediante da história do cinema falado quebrou um jejum de 18 anos longe do cinema e está de volta em um drama, "Max Rose", de Daniel Noah, que estreia nesta quinta (23) no Festival de Cannes.
No filme, Lewis vive um pianista de jazz de 87 anos que abdicou da carreira pela família e pelos filhos. Quando fica viúvo, ele descobre que a mulher com quem viveu durante 65 anos talvez não tenha sido feliz com ele, e seu casamento tenha se baseado numa mentira.
O festival quebrou o protocolo e promoveu uma entrevista coletiva com Lewis antes mesmo de exibir o filme. Lewis matou os jornalistas de rir a cada resposta. "Esse foi o melhor roteiro que recebi nos últimos 40 anos. E Daniel me trouxe os US$ 3 milhões que eu pedi, foi perfeito", brincou pra começar.
Quando pediram a um repórter para levantar a voz para que Lewis entendesse a pergunta, desdenhou: "Por que você está gritando?". Quando ele abaixou a voz, mandou: "Desculpe, não estou entendendo, você pode falar mais alto?"
Outro repórter pediu para ele comentar sua relação com Dean Martin. "Ele morreu, você soube? Quando eu cheguei aqui e vi que ele não estava, sabia que algo estava errado."
Ao ser indagado sobre as mudanças no humor americano, deu uma lição: "Não existe humor americano. Humor é humor, riso é riso. Se você faz um humor engraçado, as pessoas vão rir. Se você esticar muito a corda ou se esforçar demais, as pessoas não vão rir."

Dilma escolhe o advogado Luís Roberto Barroso para o Supremo

ANDRÉIA SADI
DO PAINEL, EM BRASÍLIA
NATUZA NERY
DE BRASÍLIA
VERA MAGALHÃES
EDITORA DO PAINEL


A presidente Dilma Rousseff escolheu nesta quinta-feira o advogado constitucionalista Luís Roberto Barroso para a vaga deixada por Carlos Ayres Britto no STF (Supremo Tribunal Federal).

O martelo foi batido nesta tarde, depois de reunião no Palácio do Planalto entre Dilma e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. O anúncio foi feito oficialmente nesta quinta. Dilma deixou a nomeação assinada antes de viajar para a África.

Em nota, o Planalto disse que Barroso cumpre os requisitos necessários para o cargo. "O professor Luís Roberto Barroso cumpre todos os requisitos necessários para o exercício dos mais elevado cargo da magistratura no país."

A cadeira de Britto estava vaga havia seis meses. Foi um dos mais longos hiatos da história recente da Corte. Apenas a nomeação de Luiz Fux, em março de 2011, demorou mais. Na época ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou para Dilma a prerrogativa de escolher o sucessor de Eros Grau, que se aposentara em agosto de 2010.

Publius Vergilius/Folhapress
O advogado constitucionalista Luís Roberto Barroso, em seu escritório no centro do Rio
O advogado constitucionalista Luís Roberto Barroso, em seu escritório no centro do Rio

A presidente cercou o processo de escolha de cuidados e se irritou várias vezes ao longo dos meses com o vazamento de notícias sobre candidatos com os quais se reuniu.

Luís Roberto Barroso vinha sendo incluído na lista de cotados para o STF há vários anos. Um dos motivos é o fato de ser um dos mais conceituados advogados constitucionalistas do país.

Atuou em julgamentos históricos do Supremo, como o que permitiu pesquisas com células-tronco embrionárias e o que decidiu que o terrorista italiano Cesare Battisti não seria extraditado. Seu nome contava com a simpatia de vários ministros do STF e do ex-ocupante da cadeira, Ayres Britto.

Recentemente, assinou ações contrárias aos novos critérios de distribuição dos royalties do pré-sal, tema caro aos fluminenses --o Rio é o Estado que mais perdeu com a nova partilha.

PERFIL

O futuro ministro do STF é natural de Vassouras, no interior do Rio. Seus pais atuaram na área Jurídica --o pai foi membro do Ministério Público do Rio e a mãe foi advogada. Barroso é casado e tem um casal de filhos. Atualmente, vive entre o Rio, Brasília e Petrópolis, na região Serrana.

O advogado mantém um blog, onde reúne seus artigos, entrevistas, além de opinar sobre temas diversos e divulgar poesias e músicas.

Leia a íntegra da nota do Planalto

"A presidente Dilma Rousseff indicou hoje o advogado Luís Roberto Barroso para compor o quadro de ministros do STF, ocupando a vaga aberta com a aposentadoria do ministro Ayres Britto. A indicação de Barroso, professor de Direito Constitucional e Procurador do Estado do Rio de Janeiro, será encaminhada nas próximas horas ao Senado Federal para apreciação.

O professor Luís Roberto Barroso cumpre todos os requisitos necessários para o exercício dos mais elevado cargo da magistratura no país.

Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República"

ASSOCIAÇÃO DOS OFICIAIS DA RESERVA DE BELO HORIZONTE - FESTA DO JUBILEU


Estamos organizando a "Festa do Jubileu" dos ex-alunos do CPOR e NPOR que estão completando 50 anos e 25 anos de formados.

Favor entrar em contato com nossa associação.


Através do email: aor-eb@ig.com.br - telefone : 31.2534-1402



Falar com : Jéssica Camila ou Ten Ribeiro .

Prefeito Bruno Siqueira visita Corpo de Bombeiros e reafirma parceria

Em visita ao 4º Batalhão, na manhã desta quinta-feira, 23, o prefeito Bruno Siqueira se reuniu com o tenente-coronel Anderson Esteves, comandante do Corpo de Bombeiros, e assistiu a uma demonstração de combate a um incêndio de grande porte, realizada no pátio do órgão. A reunião, que foi acompanhada por integrantes da instituição, contou com a presença do secretário de Agropecuária e Abastecimento, Marlon Martins, e de representantes da Guarda Municipal (GM).

Na ocasião, que serviu para reafirmar a parceria da Prefeitura de Juiz de Fora com o Corpo de Bombeiros, foram expostas questões relativas à prevenção de desastres e à segurança da população, além de projetos do órgão. De acordo com o tenente-coronel Anderson Esteves, o objetivo é modificar a cidade para que se torne, a cada dia, uma referência e intensificar a conscientização das pessoas em relação à segurança.

Segundo o secretário de Agropecuária e Abastecimento, Marlon Martins, é muito importante existir a interação entre as instituições, Prefeitura e Corpo de Bombeiros. “Existem várias situações em que elas estão em parceria, e o comandante e o prefeito têm que ter esse diálogo mesmo, a fim de que ações em conjunto possam trazer benefícios para o cidadão de Juiz de Fora.”

Já o tenente-coronel Anderson Esteves ressaltou que a reunião com o prefeito solidifica o contato com o Corpo de Bombeiros e materializa, por parte da prefeitura, a preocupação com os órgãos de segurança do município. “Já era esperada essa visita, porque o prefeito é uma pessoa amiga da instituição Corpo de Bombeiros e o compromisso dele com o município é muito grande. Então, acho que nada mais certo que vir aqui e ver nessa pequena demonstração a nossa ação em casos de um grande incêndio. A partir de hoje, grandes parcerias vão ser celebradas entre a prefeitura e o Corpo de Bombeiros.”

Bruno Siqueira destacou a atuação da instituição na cidade. “O Corpo de Bombeiros é uma instituição importantíssima para o município e faz um grande trabalho, então, o objetivo da reunião é para continuarmos as parcerias em benefício da população de Juiz de Fora.”

Ao final do encontro, foi realizada uma simulação de combate a incêndio em uma edificação e uma demonstração das viaturas utilizadas para pequenos e grandes sinistros, além de equipamentos para salvamentos e resgates.

* Informações com a Secretaria de Comunicação Social pelo telefone 3690-7599. 


SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

25 DE MAIO - BAILE DE ANIVERSÁRIO DO CLUBE DO PAPO



O Clube do Papo completa mais um ano desde sua fundação em 1966.

Sempre com o objetivo de reunir os sócios, amigos e familiares, convidamos a todos para o tradicional Baile de aniversário,
a realizar-se no dia 25 de maio de 2013, às 22 horas.


CARDÁPIO:

Mesa de antepastos, variados salgados quentes, cantinho mineiro e a tradicional canja.
Cerveja, refrigerante e água.
R$70,00 por pessoa.
 
Reservas na secretaria do Clube (32) 3212-2021.

Usuários da Oi reclamam de falta de sinal


22 de Maio de 2013 - 19:54

Por Tribuna


Os usuários do serviço de telefonia celular da Oi em Juiz de Fora têm enfrentado problemas no sistema na última semana. As queixas contra a operadora - que é líder de reclamações no Procon -, reverberaram, inclusive, nas redes sociais. Os clientes ouvidos pela Tribuna reclamam de oscilação no sinal e dificuldade para conseguir linha. O Procon/JF afirma não ter meios para separar quais são os serviços com mais críticas - telefonia fixa, móvel, 3G ou TV - já que as reclamações são arquivadas pela razão social da empresa, mas confirma o aumento do número de protocolos contra a Oi.
O designer Ricardo Mello ficou uma semana sem receber ou realizar ligações. "Me atrapalhou muito, pois tinha trabalhos para entregar e não conseguia entrar em contato com ninguém". Somente na última segunda-feira, o seu celular voltou a funcionar, porém, ele foi obrigado a abdicar de funções do aparelho. "Tive que desligar o 3G para voltar a falar. É um absurdo. Vou mudar de operadora", lamentou. A advogada Paola Cury, desde o último fim de semana, sofre para a receber e efetuar chamadas."Meu celular está ligado, mas para quem tenta falar comigo, cai direto na caixa postal", afirmou. A jornalista Darlene Braga também possui um smartphone e convive com o mesmo problema. "Parece que fica sem rede, embora o aparelho esteja com todos os indicativos de sinal completos. Eu tento ligar, mas o celular fica mudo e não envia mensagens. Sou obrigada a ligar e desligar até conseguir usá-lo". Segundo os usuários, o problema se intensifica na região central da cidade.
A Tribuna entrou em contato nesta quarta-feira (22) com a assessoria da Oi, mas não obteve retorno. Na semana passada, quando começaram a aparecer as queixas dos usuários, a empresa informou que não tinha sido verificado nenhum tipo de problema na cidade. Conforme a assessoria, a causa das dificuldades pode ser congestionamentos pontuais da rede.
No Procon
Segundo o Procon/JF, do dia primeiro de janeiro de 2013 até às 17h desta quarta, a Oi foi alvo de 2.352 reclamações, ou seja, 19,53% do total das queixas (12.046). Isto representa um aumento de 67% com relação ao mesmo período do ano passado. Neste mês, já foram protocoladas 422 reclamações contra a empresa, 20,46% do total do ano.