sexta-feira, 2 de agosto de 2013

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 03.08.13


26ª CORRIDA DUQUE DE CAXIAS - CAMISA OFICIAL


POLÍCIA FEDERAL - Senha invertida no caixa eletrônico não chama a polícia


A Polícia Federal esclarece que digitar a senha de trás pra frente não aciona a polícia. Circula na internet um e-mail com informações falsas sobre como se proteger em caso de sequestros-relâmpago. Se você tiver recebido o e-mail, apague-o. A Federação Brasileira de Bancos - FEBRABAN recomenda os seguintes cuidados:
1 - Ao digitar sua senha, mantenha o corpo próximo à máquina, para evitar que outros possam vê-la ou descobri-la pelo movimento dos dedos no teclado. As pessoas atrás de você devem respeitar as faixas de segurança;
2 - Prefira utilizar os caixas automáticos instalados em locais de grande movimentação e, se possível, em ambientes internos (shoppings, lojas de conveniência, postos de gasolina etc.);
3 - Sempre que possível, faça seus saques no horário comercial, quando o movimento de pessoas é maior, evitando o período noturno. Quando precisar realmente sacar dinheiro à noite, leve um ou mais acompanhantes adultos para que fiquem fora da cabine, como se estivessem na fila;
4 - Nunca aceite ou solicite ajuda de estranhos, mesmo que não lhe pareçam suspeitos;
5 - Esteja atento à presença de pessoas suspeitas ou curiosas no interior da cabine ou nas proximidades. Na dúvida, não faça a operação;
6 - Caso não consiga concluir uma operação, aperte a tecla ANULA ou CANCELA;
7 - Em caso de retenção do cartão no caixa automático, aperte a tecla ANULA ou CANCELA e comunique-se imediatamente com o banco. Tente utilizar o telefone da cabine para comunicar o fato. Se ele não estiver funcionando, pode tratar-se de tentativa de golpe. Nesses casos, nunca aceite ajuda de desconhecidos, mesmo que digam trabalhar no banco, nem digite senha alguma na máquina;
8 - Não se preste a receber créditos de pessoas desconhecidas em sua conta. Propostas desse tipo são feitas por golpistas, nas proximidades de caixas automáticas e de agências;
9 - Desconfie de vantagens financeiras ou dramas familiares que lhe sejam apresentados por desconhecidos na fila do caixa automático, especialmente propostas de utilização de sua conta para transferência de valores;
10 - Evite sacar grandes valores em dinheiro. Nas transações de valores altos, dê preferência aos meios eletrônicos de pagamentos, como cartões, DOCs e TEDs.

FEB - EXPOSIÇÃO PARTICIPAÇÃO DO BRASIL NA 2ª GUERRA MUNDIAL


ENTREVISTA COM MARCO SAÇÇO - FOGOS NICOLINO

de Juiz de Fora

A lei municipal foi publicada nesta semana. A fiscalização nos estabelecimentos será reforçada.

O empresário Marco Antônio Saçço trabalha com fogos de artifício e diz que as vendas dos fogos tradicionais caíram muito depois do desastre em Santa Maria, em janeiro deste ano que matou centenas de jovens.
Hoje ele investe em um outro tipo... São os chamados fogos indoor, que não produzem fumaça.
A partir de agora uma lei municipal proíbe fogos de artifícios e shows pirotécnicos em locais fechados destinados a eventos...
De acordo com a secretaria de atividades urbanas a fiscalização será intensificada e o não cumprimento da lei acarreta em multa que varia de 3 a 10 mil reais.
Segundo o tenente George Santana, do Corpo de Bombeiros, em março deste ano entrou em vigor uma circular que prevê o controle de materiais de acabamento e revestimento de locais fechados para festas e shows. Os proprietários dos estabelecimentos terão até março de 2014 para se adequarem as normas. 

E-MAIL RECEBIDO - PROMOÇÃO DA LOJA CLUBE DO LAR


DE R$ 349,00 A VISTA POR APENAS 10 PARCELAS DE R$ 74,90

BARATINHO

APENAS R$ 400,00 A MAIS

KKKKKK




ANIVERSÁRIO DO ESPORTE CLUBE SÃO CARLOS - 63 ANOS


Neste mês de agosto o Esporte Clube São Carlos, com sede no conjunto JK, no bairro de Lourdes, em Juiz de Fora/MG,  comemora seus 63 anos de fundação com atividades ininterruptas em prol do esporte amador da cidade e da comunidade local com diversas atividades gratuitas.

Para comemorar a data muitas atividades estão sendo  programadas pelo presidente José Maria Veloso e sua diretoria.

Em breve melhores informações.

NOTA DE FALECIMENTO - DR. ALBERTO CÁSSIO BARRETO PORTUGAL


Mensagem do jornalista Ricardo Ribeiro

Recebi, agora a pouco, a confirmação de uma triste notícia.

Morreu, nesta sexta-feira, em Juiz de Fora o conhecido e querido angiologista Alberto Cássio Barreto Portugal. 

https://www.facebook.com/profile.php?id=100003152485721&hc_location=stream

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 02.08.13


Beth Carvalho comemora alta hospitalar com roda de samba na sua casa

Beth Carvalho comemorou sua alta hospitalar, dada no último dia 23 de julho, com roda de samba, ao lado de amigos. A festa rolou anteontem, no apartamento da cantora, em São Conrado, Zona Sul do Rio. Na ocasião também foi festejado o aniversário da sobrinha, Luciana Carvalho. 

Grandes nomes do samba como Almir Guineto e Martinho da Vila prestigiaram a sambista, que emocionou os convidados ao abrir a noite cantando “Água de chuva no mar”. “Beth estava fazendo falta para a família. Ela está ótima, bonita e com o cabelo pintado”, vibra Luciana.
Beth Carvalho canta em comemoração
Beth Carvalho canta em comemoração Foto: Portal de Notícias Sambrasil.Net
A cantora ficou internada por um ano , chegando a ficar em coma, no mês passado. Hoje ela se movimenta com a ajuda de um andador. Gaiata, apelidou a cadeira de rodas elétrica de batmóvel. Na volta para a casa, ela vem se deliciando com pratos como lagosta e risoto de camarão, e tem recebido muitas visitas. 

De Zeca Pagodinho, ganhou um CD de partido alto. O afilhado chegou dos EUA e foi correndo matar a saudade da madrinha. De Arlindo Cruz, Beth ganhou belas orquídeas. Aos amigos, ela diz estar otimista com sua total recuperação e já está cheia de planos: voltar em breve aos palcos e gravar um novo DVD.
Beth Carvalho
Beth Carvalho Foto: Bi Ro & Cardoso / Divulgação
Beth Carvalho e Luciana Carvalho

ANIVERSÁRIO DE AMIGOS - CEL LUCIANO BATISTA DE LIMA






quinta-feira, 1 de agosto de 2013

FOGOS NICOLINO RECEBE EQUIPE DA TV INTEGRAÇÃO


Fogos Nicolino receberá hoje a equipe da TV Integração, para esclarecer dúvidas sobre os fogos indoor, com a presença do Corpo de Bombeiro.

Van escolar afunda em buraco em Juiz de Fora

01 de Agosto de 2013 - 11:51

Por Tribuna


Uma van escolar caiu em um buraco na Rua Lourdes Prado de Oliveira, no Bairro Retiro, região Sudeste, por volta das 6h da manhã desta quinta-feira (1/8). Segundo informações da proprietária do veículo, Neuza de Oliveira, havia cerca de oito crianças dentro do automóvel no momento do acidente, mas ninguém se feriu. Ela explica que o carro estava parado no local para o embarque de um estudante, quando o asfalto começou a ceder e a van acabou caindo dentro do buraco formado na via, onde está sendo feita uma obra da Cesama. Neste momento, as crianças começaram a ser socorridas rapidamente. Os responsáveis registraram boletim de ocorrência junto à Polícia Militar. Com o acidente, houve alguns estragos no veículo e as portas ficaram amassadas.
Por meio de assessoria, a Cesama informou que a erosão ocorreu devido a um rompimento de ramal de água local. O serviço de reparo foi realizado durante a manhã desta quinta e a previsão é de que o recapeamento asfáltico seja executado ainda hoje. A companhia informou, ainda, que irá ressarcir quaisquer danos físicos que a van tenha sofrido durante o acidente.

Paciente será transferido se não houver médico no HPS

31 de Julho de 2013 - 20:52


Na ausência de profissionais de especialidades no pronto socorro, usuários do SUS poderão ser encaminhados diretamente à Santa Casa e ao Doutor João Felício

Por Guilherme Arêas

A Justiça determinou que, nos períodos em que houver falta de cobertura de alguma especialidade médica de alta complexidade no Hospital de Pronto Socorro (HPS), os pacientes devem ser encaminhados imediatamente para duas unidades privadas contratualizadas da rede: a Santa Casa de Misericórdia e o Hospital Doutor João Felício. Com a decisão, publicada na última terça-feira, os socorristas do Samu, por exemplo, poderão levar para esses hospitais uma vítima de acidente ou politrauma em geral, sem precisar passar pelo HPS, que hoje é a principal porta de entrada da urgência e emergência na cidade. Na realidade, alguns hospitais privados do município já são credenciados para receber esses pacientes. O que muda com a liminar da Justiça, segundo o secretário de Saúde, José Laerte, é que as unidades citadas na decisão não podem mais recusar prestar esse serviço quando solicitadas. A multa para cada eventual descumprimento é de R$ 1 mil. "Felizmente não temos tido muitas dificuldades com a rede credenciada. Mas agora, se tivermos, a determinação da Justiça garante o atendimento", disse o secretário.
A decisão da juíza Roberta Araújo de Carvalho Maciel, da 1ª Vara Empresarial, de Registros Públicos e de Fazenda Pública e Autarquias Municipais, atendeu ao pedido do coordenador regional das Promotorias de Justiça de Defesa da Saúde de Juiz de Fora, Rodrigo Ferreira de Barros, que, no último fim de semana, ingressou com a ação civil pública com pedido de antecipação de liminar. Em seu pedido, o promotor informou que no dia 24 de julho foi agendada uma reunião com os prestadores contratualizados com o SUS local para debater o atendimento das urgências e emergências médicas nas especialidades descobertas no HPS. No entanto, apenas o Hospital Regional João Penido, referência em realização de cirurgias gerais e pediátricas, teria se manifestado a favor de realizar os procedimentos aos pacientes oriundos do HPS. "Os demais prestadores preferiram não assumir responsabilidades naquele momento", informou o promotor, que relatou ainda a ausência de representantes da Santa Casa no encontro.
Diante do impasse, o Ministério Público ajuizou a ação civil pública em face do Município de Juiz de Fora, da Santa Casa - habilitada para procedimentos de alta complexidade em ortopedia, traumatologia, neurocirurgia, cardiologia, cirurgia pediátrica, dentre outros - e do Hospital Dr. João Felício - habilitado para procedimentos de alta complexidade em ortopedia, traumatologia, cardiologia, dentre outras. Embora o município repasse aos hospitais da rede particular os valores referentes aos atendimentos realizados pelo SUS, o secretário de Saúde acredita que a decisão judicial não deve impactar os cofres públicos. "A Santa Casa e o João Felício já são credenciados para atender alta complexidade."
O presidente da Santa Casa de Misericórdia, Renato Villela Loures, afirmou que o hospital foi comunicado da reunião do dia 24 de julho poucas horas antes da realização da mesma. Em nota, a direção da unidade afirma que "a instituição não possui capacidade instalada para ampliar os atendimentos das demandas de urgência e emergência do município" e que atende "pacientes referenciados de várias especialidades, pela Central de Regulação de Vagas Municipal, conforme contratualização e habilitação em alta complexidade". A direção do Hospital Dr. João Felício foi procurada pela reportagem, mas funcionários informaram que ninguém foi encontrado para comentar o caso.

Polícia investiga morte de modelo de 20 anos em Guapimirim

WALESKA BORGES



Dorian Wayne, de 20 anos, foi achado morto em cachoeira de Guapimirim
Foto: Reprodução
Dorian Wayne, de 20 anos, foi achado morto em cachoeira de Guapimirim Reprodução
RIO - O delegado Alan Luxardo da 67ª DP (Guapimirim), que investiga a morte do modelo Dorian Wayne, de 20 anos, disse na tarde desta quinta-feira que todas as hipóteses para esclarecer o caso serão investigadas. Ele não acredita, porém, que o modelo tenha sido vítima de um roubo. O corpo de Dorian foi encontrado ao lado de uma cachoeira num condomínio fechado em Guapimirim, município localizado no pé da Serra dos Órgãos. Próximo ao corpo estava um revólver calibre 38. Perícia feita no Instituto Médico-Legal (IML) constatou uma perfuração na cabeça do modelo feita por bala.
Conforme o delegado, familiares do modelo disseram que ele tinha problemas psicológicos. O revólver encontrado próximo ao corpo também seria de propriedade de Dorian. Parentes e amigos do modelo serão chamados para depor na delegacia:
— Ainda não conseguimos saber a origem da arma porque ela estava oxidada. A família acha que realmente foi suicídio, mas não descarto nada. Afirmar alguma coisa, nesse momento, seria prematuro. Temos que apurar — disse Luxardo.
Nesta quinta-feira, o corpo do modelo, filho de Jeans Peter e Bettina Meinkohn, foi enterrado no Memorial do Carmo, no Caju. Cerca de 50 pessoas estiveram presentes no sepultamento, algumas delas levaram rosas.
A família de Dorian não quis dar entrevistas. Já Sérgio Mattos, dono da agência 40º , onde Dorian trabalhava, acompanhou o enterro do e contou que o rapaz teria se matado. Ele lamentou a morte do modelo:
— Ele era bom, maravilhoso e incrível. Os pais são dois tops lindos. O que vai ficar é essa memória boa — afirmou o empresário.
Na quarta-feira, o pai do modelo afirmou que acredita que o filho tenha sofrido um acidente:
— Ele tinha uma carreira brilhante pela frente. Todo mundo o amava. Uma lástima. Fui procurá-lo por causa de um trabalho que ele tinha em São Paulo. Tentei por dois dias. Antes de entrar em pânico, fui até a cachoeira que ele costumava ir e encontrei o corpo. Foi um acidente. Ele caiu e teve uma contusão na cabeça.

Asfalto cede e engole parte de Gol no Jardim Glória

01 de Agosto de 2013 - 15:44


Por Tribuna

Um carro caiu em um buraco no asfalto com cerca de 1,8 metros de profundidade e 2 metros de largura no trevo do Bairro Jardim Glória, no final da manhã desta quinta-feira (01). Segundo relato do condutor do Gol, que registrou Boletim de Ocorrência, ele trafegava pela Estrada Engenheiro Gentil Forn, direção São Pedro/Centro, quando, ao passar pelo trevo, o asfalto cedeu próximo ao número 843 da Rua João Pinheiro. A roda dianteira direita do veículo acabou dentro da cratera, o que teria causado danos ao veículo.
Técnicos da Secretaria de Obras (SO) estiveram no local para avaliar a situação e fecharam provisoriamente o buraco que, provavelmente, foi provocado pelo rompimento de uma rede de captação de águas pluviais. Amanhã, trabalhadores da secretaria voltarão ao local para avaliar a causa exata do problema.

Acidente em subestação da Cemig deixa funcionário ferido

01 de Agosto de 2013 - 16:12


Por Tribuna
Atualizada às 16h06
Um acidente ocorrido no final da manhã desta quinta-feira (01) deixou aproximadamente 200 mil clientes da Cemig sem fornecimento de energia elétrica em Juiz de Fora. Segundo informações da assessoria de comunicação da concessionária, o incidente aconteceu na subestação Guaruá, Zona Sul, que está interligada com a subestação Megiolário, na altura do Bairro Grajaú, região Leste da cidade. 
A interrupção do fornecimento aconteceu às 11h45, mas foi restabelecido às 11h51, durando apenas seis minutos. Um funcionário da Cemig de 45 anos, pertencente à equipe de Barbacena, que trabalhava no local no momento do acidente, ficou ferido. Ele foi levado para a Santa Casa de Juiz de Fora, onde permanece internado. De acordo com a Cemig, ele teria sofrido queimaduras de primeiro e segundo grau na região do rosto e do peito, devido ao calor de um arco elétrico, causado por um curto-circuito. 
A assessoria de comunicação da Santa Casa informou que ele está lúcido e orientado, e seu estado de saúde é estável. A Cemig ainda não informou as causas do acidente, que estão sendo apuradas.

PREFEITURA DE JUIZ DE FORA - CONVITE


JORNAL DIÁRIO REGIONAL - 01.08.13


Inscrições abertas para Oficial de Saúde Temporário



A 4ª Região Militar informa que estão abertas as inscrições para Oficial Médico, Dentista, Farmacêutico e Veterinário Temporário.

O prazo para inscrição é até 26 de agosto de 2013.

As inscrições devem ser feitas pelo site da 4ª RM (www.4rm.eb.mil.br).


UTILIDADE PÚBLICA - LEI SOBRE USO DE FOGOS DE ARTIFÍCIO EM JUIZ DE FORA

PREFEITURA DE JUIZ DE FORA
DIÁRIO OFICIAL ELETRÔNICO DO MUNICÍPIO DE JUIZ DE FORA
ATOS DO GOVERNO DO PODER EXECUTIVO
Publicado em: 31/07/2013 as 00:01
LEI N.º 12.829 - de 30 de julho de 2013 - Veda o uso de fogos de artifício e a realização de shows pirotécnicos nos locais que menciona - Projeto n. 12/2013, de autoria do Vereador Noraldino Júnior. A Câmara Municipal de Juiz de Fora aprova e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º  Fica proibido no Município de Juiz de Fora o uso de fogos de artifício, sinalizadores, show pirotécnico com produtos inflamáveis ou com fogos e similares em boates, bares, teatros, auditórios, clubes e locais fechados destinados a eventos. § 1º Será permitida a utilização de fogos de artifício indoor, desde que seja executado por empresa devidamente registrada e autorizada junto ao órgão competente. § 2º Em palcos montados em ambientes abertos é vedado o uso de fogos de artifício ou equipamentos pirotécnicos com produtos inflamáveis, a partir do palco. Art. 2º  Para os efeitos desta Lei serão adotadas as seguintes definições: I - fogos de artifício: peças pirotécnicas com propriedade para produzir ignição para criação de luz, ruído, chamas ou explosões, definidas por classe de acordo com a legislação federal, em especial, o Decreto-Lei n. 4.238, de 8 de abril de 1942; II - show pirotécnico: evento onde se realiza a ignição de fogos de artifício; III - fogos indoor: considerado fogo frio, são produzidos sem utilização de pólvora, com alta qualidade, não produzem fumaça, não queimam e podem ser utilizados com uma variação enorme de formas e efeitos, em cascatas, em cruzamentos laterais, uns em cima, outros embaixo, em escadarias, entre outros. Art. 3º  Sem prejuízo das sanções penais e civis, o descumprimento desta Lei acarretará ao responsável pelo evento e ao proprietário do imóvel as seguintes sanções administrativas: I - multa de R$3.000,00 (três mil reais) a R$10.000,00 (dez mil reais), valores que serão atualizados monetariamente, segundo índices e periodicidade oficiais; II - suspensão da licença de localização e funcionamento e/ou inscrição de autônomo; III - interdição. § 1º  Nos casos de reincidência a multa será aplicada em dobro. § 2º  As penas previstas nos incisos II e III deste artigo serão aplicadas quando houver risco iminente de incêndio ou pânico. § 3º  As sanções poderão ser aplicadas isolada ou cumulativamente. Art. 4º  O Poder Executivo regulamentará, no que couber, a presente Lei. Art. 5º  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Paço da Prefeitura de Juiz de Fora, 30 de julho de 2013. a) BRUNO SIQUEIRA - Prefeito de Juiz de Fora. a) ANDRÉIA MADEIRA GORESKE - Secretária de Administração e Recursos Humanos.

Anastasia promete economia de R$ 1,1 bi com fusão e extinção de secretarias

31 de Julho de 2013 - 21:28

Entre ações estão extinção e fusão de secretarias e órgãos públicos, além de redução de 52 cargos

Por Tribuna
O governador Antonio Anastasia (PSDB) anunciou ontem uma série de medidas administrativas visando a reduzir os custos do Estado. Os cortes podem representar economia de aproximadamente R$ 1,1 bilhão aos cofres mineiros até o final de 2014. A reestruturação objetiva uma racionalização da máquina pública estadual, por meio de ações como extinção e fusão de secretarias e órgãos públicos, diminuição de cargos de confiança e redução de gastos com utilização de veículos, viagens, telefones corporativo e contratação de consultorias (ver quadro). Inicialmente, o enxugamento significaria contingência de R$ 365 milhões até o final do ano que vem. Também será realizada uma revisão das despesas de custeio do Governo para o próximo exercício, estimada em R$ 700 milhões, o que possibilitaria ao Executivo alcançar a projeção milionária de cortes.
Anastasia defendeu que as medidas fazem parte de uma reestruturação que tem por intuito adaptar o Estado ao atual cenário de queda nas atividades econômicas provocado pela crise no mercado internacional, o que resultou em redução nas receitas do Governo. "Nós temos uma crise econômica que não permite ao Estado crescer na velocidade que gostaríamos. E, por isso, são medidas importantes, que vão, não só otimizar o funcionamento da administração, mas, também, representar uma economia expressiva", defende Anastasia.

Enxugamento
Entre fusão e redimensionamento, as secretarias estaduais reduzirão das 23 atuais para 17 a partir de janeiro do ano que vem. A previsão é a de que a redução irá significar o corte de 52 cargos de alto escalão, além de outros que integram a estrutura básica e complementar da administração. Outras ações para a racionalização da máquina pública, como a criação de centro de serviços compartilhados na Cidade Administrativa e a integração das estruturas de órgãos públicos localizados em cidades do interior, também estão na agenda. "No projeto de lei que vamos encaminhar também à Assembleia há ainda o processo de extinção de autarquias. Duas autarquias são extintas, que são o Detel e a Ademg, e, ao mesmo tempo, há um processo de fusão de outras entidades, como a fusão da Secretaria de Turismo, com a Secretaria de Esporte e com a Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo. As três passam a ser uma secretaria só", explica o governador.

JORNAL TRIBUNA DE MINAS - 01.08.13


Buraco de quase dois metros oferece risco aos pedestres

31 de Julho de 2013 - 12:36


Por Tribuna
Um buraco aberto na calçada está causando risco aos pedestres que transitam pela Rua Marechal Cordeiro de Faria, altura do número 162, no Bairro Carlos Chagas, na Zona Norte. A situação ocorre em virtude de um bueiro que teve parte de sua tampa de concreto, utilizada como proteção, arrancada no local. Segundo um morador região, que preferiu não se identificar, o buraco possui quase 2m de profundidade e 1m de comprimento, e fica ao lado de um ponto de ônibus. É possível observar que o local foi sinalizado com um pedaço de madeira e sacolas plásticas, para evitar possíveis acidentes. O morador informou, ainda, que tentou realizar a reclamação pelo telefone de contato da Secretaria de Obras e foi informado que as denúncias só poderiam ser feitas pessoalmente.
Por meio de sua assessoria, o órgão informou que as reclamações devem ser realizadas no Espaço Cidadão JF, localizado ao lado da Câmara Municipal, no Parque Halfeld, ou nos Centros Regionais. Os pedidos estariam sendo feitos desta forma desde fevereiro, já que a pasta não possui atendentes para receber as demandas do público. A assessoria informou também que atende a população através do site da Secretaria de Obras, na opção Fale Conosco. A promessa é de que o reparo do bueiro entre na programação, e que o problema seja resolvido nesta quinta-feira (1/8), já que nesta quarta (31/7) o órgão está sem efetivo operacional.

MEDALHA DA 26ª CORRIDA DUQUE DE CAXIAS


quarta-feira, 31 de julho de 2013

terça-feira, 30 de julho de 2013

26ª CORRIDA DUQUE DE CAXIAS - DIVULGAÇÃO

O circuito de corridas rústicas de Juiz de Fora é uma tradicional prova esportiva, atualmente coordenado pela Prefeitura Municipal, com atividades previstas para diversos bairros.

CORRIDA DUQUE DE CAXIAS, realizada pelo Exército Brasileiro,  é uma das mais significativas provas da etapa desse circuito, com a participação de aproximadamente 8.000 cidadãos em 2012, entre atletas, pessoas que praticam caminhada e utilizam o espaço saúde e bem-estar, além de brinquedoteca e outros entretenimentos para a família juizforana.

Para este ano, a coordenação do evento estima cerca de 10.000 participantes, fruto do enorme sucesso de 2012, e em função da ampla divulgação nos meios de comunicação.

A etapa ocorrerá no Campus da UFJF, no dia 25 de agosto de 2013, com início ás 08h e término ás 14h.

INSCRIÇÕES:

- De 22 de julho a 18 de agosto;
- Horário: de 08h às 18h;
- Valor: R$ 30,00 no período entre 22 de julho a 11 de agosto, e R$ 50,00 entre 12 a 18 de agosto;

- Locais:  

  - Campus da UFJF: Rua José Lourenço Kelmer, s/nº - São Pedro;
  - TerraBike: Rua Roberto de Barros, nº 200 - Centro;
  - TerraBike Sports (Spazio Design): Ladeira Alexandre Leonel, nº 211 - Cascatinha;
  - Círculo Militar de JF (Sede Social): Av Barão do Rio Branco, nº 3146 - Centro.



-- 

Comunicação Social do Hospital Geral de Juiz de Fora
                                     
HOSPITAL GERAL DE JUIZ DE FORA
                                                 

EXÉRCITO BRASILEIRO: BRAÇO FORTE, MÃO AMIGA

CAMISA DA XXVI CORRIDA DUQUE DE CAXIAS - 1ª MÃO


Ex-prefeito de Pirapora é condenado e tem direitos políticos suspensos


Warmillon continua preso por causa de alegada contratação fraudulenta de serviços de limpeza urbana

O ex-prefeito de Lagoa dos Patos e Pirapora, no Norte de Minas, Warmillon Fonseca Braga (DEM), teve seus direitos políticos suspensos por cinco anos e terá que ressarcir integralmente os danos causados aos cofres públicos, além de pagar multa de igual valor.
 
O político foi condenado por improbidade administrativa pela Justiça Federal em Montes Claros, na última sexta-feira (26). Ele se encontra preso preventivamente desde o dia 2 de julho por envolvimento em fraudes e desvio de dinheiro público e já foi denunciado 79 vezes.

Conforme a sentença, o ex-prefeito fica proibido de contratar com o Poder Público ou de receber benefícios, incentivos fiscais ou creditícios também pelo período de cinco anos.
 
Segundo a ação ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF) em 2009, quando prefeito do município de Lagoa dos Patos, Warmillon Braga teria se apropriado de recursos federais por meio um convênio celebrado com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) no valor de R$ 96.800. A verba seria destinada à construção de 121 módulos sanitários domiciliares equipados com caixa d'água fria, vaso sanitário com caixa de descarga, lavatório, tanque séptico e sumidouro.
 
Mesmo após três vistorias realizadas pela Funasa, técnicos constataram que os banheiros não atendiam ao objetivo específico do convênio, que era o de reduzir a incidência de verminoses e de outras doenças causadas pela falta de saneamento básico.
 
Os recursos disponibilizados em duas parcelas foram sacados por meio de cheques emitidos em favor da empresa Minas Construção Saneamento Básico e Serviços Ltda, a quem Warmillon Fonseca Braga chegou a atribuir a responsabilidade pelo desvio dos recursos.
 
Durante investigações, outras irregularidades foram constatadas como a dispensa de processo licitatório para a execução da obra. O ex-prefeito contratou diretamente uma empresa de fachada, sem sede física, maquinário, depósito de materiais ou empregados para realizar o serviço proposto pela Funasa. O sócio majoritário da Minas Construção e Saneamento Básico, Cláudio Soares Silva, chegou a confessar que sua empresa era usada para venda de notas fiscais frias às prefeituras, inclusive a de Lagoa dos Patos.
 
Para o juiz, "ao contratar, sem licitação, com empresa inidônea e de fachada, o réu, na qualidade de Prefeito Municipal, aplicou verba pública de forma irregular e concorreu para que terceiros – a empresa e seu sócio majoritário – incorporassem essa verba pública, indevidamente, em seu patrimônio particular”.

A empresa e seu sócio, Cláudio Soares Silva, foram acionados pelo MPF, mas não foram localizados durante a fase de citação e o processo teve de ser desmembrado.